Início Pindamonhangaba Semáforos de Pinda terão nova sincronização e agilidade na manutenção

Semáforos de Pinda terão nova sincronização e agilidade na manutenção

Foto: Prefeitura Municipal de Pindamonhangaba/divulgação

A Prefeitura de Pindamonhangaba, através da Secretaria de Segurança, está anunciando nova ação na semaforização do município. A partir do próximo mês de maio, entrará em vigor um novo controle e gestão da operação e da programação da rede semafórica, com serviços de manutenção corretiva e preventiva.

Publicidade

O objetivo da Prefeitura é melhorar e agilizar a manutenção dos semáforos e aumentar a fluidez e segurança no trânsito visando a redução de acidentes. Atualmente o município conta com 34 semáforos instalados nas principais vias e cruzamentos e tem previsão de aumentar para 40, com a instalação do sistema semafórico na rotatória do Tenda, previsto para entrar em operação no próximo mês.

O trabalho compreenderá também o cadastramento de todos os semáforos num mapa digital, onde será possível verificar a programação do tempo de cada aparelho bem como os parâmetros de funcionamento, possibilitando a sincronização de toda a rede e a detecção automática de falhas e lâmpadas queimadas.

Foto: Prefeitura Municipal de Pindamonhangaba/divulgação

Outra ação positiva será a utilização de um software de simulação de trânsito com dados do fluxo de cada via onde existe semáforo e a utilização da Central de Controle de Tráfego OTTO que vai otimizar o tempo no tráfego e melhorar a mobilidade no trânsito.

“São muitos benefícios que estamos implantando e que trará mais agilidade no trânsito buscando uma melhor harmonia entre motoristas, ciclistas e pedestres”, afirmou o secretário adjunto José França Vidal.

Identificação
O Departamento de Trânsito da Prefeitura iniciou na última semana a instalação de placas de identificação com nomes de ruas nos semáforos da região central. O trabalho visa facilitar a identificação da rua em que o motorista está, beneficiando principalmente condutores de outras cidades.

A identificação da via pública denomina sempre a via transversal àquela em que o veículo encontra-se. “Muitos motoristas, principalmente os de fora, ficam aflitos para identificar o nome de ruas e avenidas, chegando a reduzir velocidade, as vezes até parar o carro para pedir informação e com essa identidade visual todos ganham”, afirmou França.