Início Pindamonhangaba Educação de Pinda prevê avanço com mudança de sede, novas creches e...

Educação de Pinda prevê avanço com mudança de sede, novas creches e diversas reformas e ampliações

Foto: Prefeitura Municipal de Pindamonhangaba/divulgação

A Secretaria de Educação de Pindamonhangaba está projetando um grande avanço para 2022 com ações que irão trazer melhorias na prestação dos serviços com a mudança da atual sede administrativa, implantação de novos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs – creches) e novas unidades de Núcleo de Apoio Psicopedagógico (NAP), além de reformas e ampliações de diversos equipamentos de educação.

Publicidade

Prefeitura investe R$ 5 milhões em reforma e ampliação
Atualmente, seis grandes obras estão sendo realizadas pela Prefeitura totalizando um investimento de R$ 5 milhões que trará mais qualidade no atendimento aos alunos da rede municipal de Ensino

Escola Municipal Elias Bargis Mathias – Araretama
Reforma e ampliação
Empresa: Multivale
Investimento: R$ 1,18 milhão.

CMEI – Creche Ruth Doris Lemos – Bem Viver (Araretama)
Reforma e manutenção
Empresa: Halbitech Engenharia
Investimento: R$ 329 mil

Escola Municipal Maria Zara Miné Renoldi dos Santos – Ouro Verde
Reforma e ampliação
Empresa: Decicosimões Engenharia e Arquitetura
Investimento: R$ 830 mil

NAP – Núcleo de Apoio Psicopedagógico Dr. Francisco Romano de Oliveira
Reforma e manutenção
Empresa: DecicoSimões Engenharia e Arquitetura.
Investimento: R$ 361 mil

Reforma e ampliação da Escola Municipal Profº Alexandre Machado Salgado e do antigo prédio da CMEI – creche Durvalino dos Santos
Empresa: EMC Engenharia
Investimento: R$ 1,2 milhão

Reforma geral do CMEI CAIC Araretama
Empresa: EMC Engenharia
Investimento R$ 1,1 milhão

Cidade Nova, Alto do Cardoso e Santana terão novas creches
Com o objetivo de zerar a fila de espera nas creches municipais, a Prefeitura de Pindamonhangaba deverá entregar até o próximo ano sete novas unidades de Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI).

Foto: Prefeitura Municipal de Pindamonhangaba/divulgação

As creches que estão em obras atualmente já estão com data programada para término. A CMEI Crispim está programada para setembro deste ano, CMEI Arco-Íris para dezembro e a CMEI Parque das Palmeiras com previsão para fevereiro do ano que vem.

Além dessas unidades, a Prefeitura está planejando a implantação de novas unidades para os bairros Cidade Nova, Alto Cardoso e Santana. A ação está sendo possível graças à aquisição da nova sede da Secretaria de Educação, que em breve deverá deixar o antigo Colégio Comercial João Romeiro (rua Dino Bueno) para se transferir às novas instalações da rua Gal. Júlio Salgado (bairro do Santana).

Com um espaço de 3 mil metros quadrados de área construída, o objetivo é concentrar toda a gestão da Educação num complexo que irá abrigar além da sede administrativa, uma nova unidade de CMEI com novas vagas de creche. O prédio do Alto Cardoso onde hoje encontram-se os suplementos de merenda escolar também será transferido para a nova sede, abrindo oportunidade para uma nova CMEI no bairro, ampliando a oferta de vagas de creches. Também está em estudo para 2023 a implantação de uma CMEI no bairro Cidade Nova.

O galpão em imóvel alugado para almoxarifado da Educação também deixa de pagar aluguel na Cidade Nova e passa a funcionar na nova sede do Santana. A Secretaria de Educação tem a intenção de transformar a atual sede da Dino Bueno num Centro de Línguas para rede municipal com foco em inglês, espanhol e libras.

Outras regiões ainda estão com possibilidades de abertura ou ampliação de vagas em CMEIs, como a Cidade Jardim, previsto para 2023 uma ampliação. “Temos a escola Alexandrina que será utilizada como nova sede da escola municipal Ângelo Paz e o prédio da Ângelo Paz abrigará a CMEI Dr. Francisco Lessa Júnior ampliando o número de vagas, após reforma e adaptações”, afirmou a secretária de Educação, Luciana Ferreira.

Para o prefeito Isael Domingues o compromisso de melhorar a educação é permanente. “O avanço tem que acontecer em todos os sentidos. Com equipe qualificada e bom efetivo, com bons materiais e condições, uniforme, material escolar, merenda de qualidade e também com instalação física adequada para acolher nossas crianças”, comentou Isael.