Início Pindamonhangaba Autor de furto é flagrado por Câmeras do CSI e preso pela...

Autor de furto é flagrado por Câmeras do CSI e preso pela GCM em Pindamonhangaba

Foto: Divulgação/PMP

A Guarda Civil Metropolitana (GCM) de Pindamonhangaba prendeu em flagrante na noite desta quinta-feira (18) o autor de um furto praticado no interior de uma residência no bairro São Judas Tadeu. A ação foi possível graças às informações transmitidas pelo Centro de Segurança Integrada (CSI), que detectou as características do indivíduo.

Publicidade

Por volta das 23h, em patrulhamento pela região central, a GCM foi acionada para atender a ocorrência de furto, onde um elemento adentrou à residência levando do seu interior uma bicicleta, uma televisão, dois perfumes, um máquina de barbear e duas peças de artesanato em metal.

Foto: Divulgação/PMP

Próximo a um carrinho de lanche, nas imediações da Praça Barão Homem de Mello, região central do município, os GCMs avistaram um homem de calça azul e camisa preta, características semelhantes às informações transmitidas pelo CSI. Em abordagem realizada, foram encontrados os pertences furtados com o suspeito e após a chegada da vítima, a mesma reconheceu todos os objetos como sendo de sua propriedade. Posteriormente, o indiciado afirmou ter entrado no imóvel, mediante arrombamento, e em seguida subtraiu os bens encontrados com ele.

Diante dos fatos, o autor do delito recebeu voz de prisão e foi encaminhado à Delegacia de Polícia onde foi elaborado boletim de ocorrência de prisão em flagrante delito. No distrito policial foi constatadas 29 páginas de passagem do indiciado por prática de vários delitos.

Participaram da ocorrência os GCM Valério, Alex, Alexandre, Hélcio e João Paulo, bem como o CB PM Queiroz, integrante da equipe do Centro de Segurança Integrada que foi fundamental na agilidade da transmissão das informações.

“Queremos ressaltar essa importante parceria PM e GCM e cumprimentar nossos guardas pela proatividade e presteza na ação, que tirou das ruas mais um infrator que trazia danos à sociedade”, afirmou o comandante da GCM, Sandro Alvarenga.