Início São José dos Campos São Francisco Xavier vai ganhar terceiro polo da Univesp em São José...

São Francisco Xavier vai ganhar terceiro polo da Univesp em São José dos Campos

Foto: Claudio Vieira/PMSJC

O distrito de São Francisco Xavier deve ganhar nos próximos meses um novo polo de apoio da Univesp (Universidade Virtual do Estado de São Paulo) com vagas para os eixos de Licenciatura e Computação.

Publicidade

Os documentos, como plano de trabalho e o acordo de cooperação, já foram enviados para análise ao Governo de São Paulo. A proposta da Prefeitura é que a escola municipal Mercedes Rachid Edwards funcione como sede do novo polo. A criação do novo polo no distrito de São Francisco Xavier faz parte do Plano de Gestão 2021/24.

O município também se dispõe a oferecer recursos humanos, equipamentos de informática e infraestrutura para receber a expansão.

Apesar de as aulas acontecerem de maneira virtual, é necessário disponibilizar estrutura física em apoio aos estudantes, como salas de aula, biblioteca, laboratório de informática, entre outros.

A expectativa é que o processo seja concluído até janeiro de 2022 e o polo de São Francisco Xavier já ofereça vagas a partir do vestibular que ocorre em abril do mesmo ano.

São José já possui dois polos de apoio da Univesp em funcionamento no Parque Tecnológico e outro no Cefe (Centro de Formação do Educador), na região norte.

Ambos ofereceram um total de 128 vagas no vestibular deste ano, em cursos como licenciatura em Matemática e Pedagogia e bacharel em Tecnologia da Informação, em Ciências de Dados e em Engenharia da Computação. Todos os cursos são gratuitos e têm duração entre 4 e 5 anos.

Univesp

A Universidade Virtual do Estado de São Paulo é uma instituição de ensino superior, exclusivamente de educação à distância, criada pela Lei 14.836, de julho de 2012, mantida pelo Governo do Estado de São Paulo e vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico.

Atualmente, a Univesp totaliza 374 polos, em 325 municípios do Estado, ou seja, está presente em mais de 50% do território paulista. São mais de 50 mil alunos matriculados nos cursos de graduação e pós-graduação.