Início Pindamonhangaba Paulista Off-Road fez parte das comemorações dos 316 anos de Pindamonhangaba

Paulista Off-Road fez parte das comemorações dos 316 anos de Pindamonhangaba

O percurso teve aproximadamente 120 quilômetros (Haroldo Nogueira)

A terceira etapa do Paulista Off-Road montou QG no Parque da Juventude de Pindamonhangaba e, com total apoio da prefeitura local, construiu uma pista para a competição, que abrirá as portas para a realização de outros eventos regionais e, ainda, colaborará para o impulsionamento do turismo regional

A terceira etapa do Campeonato Paulista Off-Road – rali de regularidade, foi realizada no último sábado, 10 de julho, na cidade de Pindamonhangaba (SP), e fez parte dos eventos de comemoração do aniversário do município – 316 anos, celebrado no mesmo dia. 

A 3ª etapa do Paulista Off-Road foi realizada em Pindamonhangaba, no dia 10 (Haroldo Nogueira)

A competição teve o apoio da Prefeitura Municipal de Pindamonhangaba e a concentração aconteceu no Parque da Juventude. Juntamente com o promotor de eventos da Núcleo Magnético, Mauro Garakis, o diretor geral do Paulista Off-Road, Clayton Prado, construiu uma pista de aproximadamente 20 quilômetros exclusivamente para a disputa que, a partir de agora, ficará à disposição de outros tipos de eventos e treinamentos. 

Publicidade

“Somos gratos pela confiança que o prefeito Isael Domingues, o vice-prefeito Ricardo Piorino, e o secretário de esportes Everton Chinaqui depositaram em nós, e pela acolhida alegre e carinhosa do pessoal do Aeroclube de Pindamonhangaba. Por meio dessa união de esforços, tivemos condições de dar grandeza a essa etapa do Paulista e destacá-la em todo o universo fora-de-estrada”, reconheceu Prado. 

Uma prova que deixou pilotos e navegadores de “cabelo em pé”

A terceira etapa do Paulista Off-Road contou com um grid formado por 53 duplas – divididas nas categorias Super Máster, Graduados, Turismo e Turismo Light. Vale ressaltar que, além de representantes de São Paulo, também estiveram presentes off-roaders do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso, Minas Gerais e Rio de Janeiro. 

O roteiro teve cerca de 120 quilômetros, com 96 quilômetros de navegação. Destes, 55 quilômetros foram dentro de uma área de reflorestamento de eucalipto, com subidas e descidas passando por crinas de morro com vista de boa parte do Vale do Paraíba. 

A prova foi bastante técnica, com médias de velocidade bem apertadas para serem mantidas, principalmente nos trechos mais travados e nas pistas – que eram praticamente formadas por curvas. Manter a média diante de tantos desafios foi tarefa difícil, pedindo braço dos pilotos (precisão na pilotagem). Compuseram o “coquetel” desta etapa os tradicionais laços e pegadinhas, referências próximas e poeira pesada. 

Aquela vitória que tem um sabor a mais

Devido a dificuldade técnica desta etapa de Pinda e tamanha a exaustão das duplas para manter a regularidade exigida desta modalidade, um pequeno erro era irreversível. A competividade foi acirrada e, ainda que todos os participantes tenham acumulado uma quantidade indesejada de pontos perdidos, todos mantiveram performances parecidas. 

Na categoria Máster, os vencedores foram os irmãos de Caxias do Sul (RS), Marcos e Marcelo Bortoluz, que receberam com surpresa o resultado. “Foi uma prova ‘pegada’ demais, com médias de velocidade extremamente justas e bem difícil de manter o tempo. Esse primeiro lugar será muito comemorado, pois foi uma prova forte mesmo”, salientou o piloto Marcelo. Em segundo lugar ficaram Renato Ferreira Martins e Jhonatan Ardigo (de Belo Horizonte, MG, e Apucarana, PR respectivamente), e em terceiro, Deonilson Salla e Willian dos Santos (de Curitiba, PR). 

Os irmãos Marcos e Marcelo Bortoluz foram os vencedores da Máster (Haroldo Nogueira)

Pela categoria Graduados, o primeiro lugar foi conquistado por uma dupla estreante no Paulista: Paulo Renato Carvalho Ribeiro e Lucca Carvalho Ribeiro – pai e filho, respectivamente, vindos de Juiz de Fora, MG. “Feliz demais com esse resultado. Estivemos concentrados o tempo inteiro, e essa foi mais uma excelente oportunidade para aprimorarmos as nossas habilidades. Foi muito bom competir no Paulista, é prova para ‘gente grande’”, comemorou Paulo Renato. Na segunda colocação vieram os paulistas Marcos Giannoni e Lourival Roldan (São Paulo / Embu das Arte), seguidos por Alex Kolla e David Taufik Rahd (Tremembé, SP). 

Na Graduados, os campeões foram Paulo Renato e Lucca Ribeiro, pai e filho (Haroldo Nogueira)

Na categoria Turismo, o troféu foi para a cidade de Ribeirão Pires (SP), com a dupla Rodrigo Tolezano e Renan Toguchi, que conquistou a terceira vitória da temporada. “A prova foi diferente; rápida e técnica, com navegação e pilotagem fortes. Foi de arrepiar (muito boa)”, falou o piloto. “Estamos batalhando para subir para a categoria Graduados”, contou Tolezano. Na segunda posição, ficaram os gaúchos Bruno Giovano Foscarini e Natália de Oliveira Foscarini (de Sapiranga, RS), e logo atrás Maurício Mei e Frederico Bornholdt (São Paulo, SP). 

A dupla Rodrigo Tolezano Daraio e Renan Toguchi Alvares foi a melhor na Turismo (Haroldo Nogueira)

E para fechar as premiações, na categoria Turismo Light, o piloto José Francisco Del Bel Tunes e o navegador Carlos Bresolin Júnior (de Araras, SP), não continham a felicidade por serem campeões da etapa. “Uma prova dura, daquelas que merecem ser muito comemorada. Estamos felizes demais”, riam eles. Eles foram seguidos por Regis Beraldinelle Renzi e Evandro Guilherme Gonçalves (Mogi das Cruzes, SP), e Bruno Izário e Náthia Marrafon (Campinas, SP), nas segunda e terceira colocações, respectivamente. 

Na Turismo Light, os melhores foram Francisco Del Bel Tunes e Carlos Bresolin Jr (Haroldo Nogueira)

Protocolos de segurança 

A 3ª etapa do Paulista Off-Road seguiu os protocolos de segurança exigidos pela prefeitura de Pindamonhangaba. Ainda que com o avanço da vacinação, a pandemia de Covid-19 precisa ser controlada e, portanto, evitar aglomeração e manter o distanciamento social, o uso de máscara e álcool em gel se fizeram necessários. 

“Um novo formato do Paulista Off-Road foi feito para que nossos eventos pudessem voltar a acontecer. Não temos mais o briefing presencial e a entrega dos kits de prova na noite anterior ao rali, os almoços de premiação e o tradicional pódio. Agora, fazemos as entregas de adesivos horas antes da largada, por sistema drive-thru. Os competidores estacionam os veículos, onde ficam até o seu horário de largada”, explicou Prado. A premiação é feita com os carros posicionados conforme o resultado conquistado, com os participantes próximos aos veículos.   

Resultado – 3ª etapa Paulista Off-Road

Categoria Super Máster

1º Marcos Bortoluz / Marcelo Bortoluz (Caxias do Sul, RS) – 49 pontos

2º Renato Ferreira Martins / Jhonatan Ardigo (Belo Horizonte, MG / Apucarana, PR) – 46 pontos

3º Deonilson Salla / Willian Rodrigues dos Santos (Curitiba, PR), 38 pontos

4º Fábio Rafael Fiorini / Alexandre Martinez (São Paulo, SP), 37 pontos

5º Daniel Krabbe / Mônica Krabbe (Jacareí, SP) – 35 pontos

Categoria Graduados

1º Paulo Renato Carvalho Ribeiro / Lucca Carvalho Ribeiro (Juiz de Fora, MG) – 46 pontos

2º Marcos Giannoni / Lourival Roldan (São Paulo / Embu das Artes, SP) – 41 pontos

3º Alex Kolla e David Taufik Rahd (Tremembé, SP) – 38 pontos

4º Daniel Manse e Mirella Kurata (São Paulo, SP) – 36 pontos

5º Eduardo Pereira Silva / Maria Beatriz de Andrade Silva (Belo Horizonte, MG) – 36 pontos

Categoria Turismo     

1º Rodrigo Tolezano Daraio / Renan Toguchi Alvares (Ribeirão Pires, SP) – 48 pontos

2º Bruno Giovano Foscarini / Natália de Oliveira Foscarini (Sapiranga, RS) – 45 pontos

3º Maurício Mei / Frederico Bornholdt (São Paulo, SP) – 40 pontos

4º Cristiano Palmeiras / Patrícia Palmeiras (Diadema, SP) – 40 pontos

5º Renato Rocha / Rubens Vieira Pedro (Carapicuiba, SP) – 35 pontos

Categoria Turismo Light

1º José Francisco Del Bel Tunes / Carlos Bresolin Júnior (Araras, SP) – 42 pontos

2º Régis Beraldinelle Renzi / Evandro Guilherme Gonçalves (Mogi das Cruzes, SP) – 42 pontos

3º Bruno Izario e Náthia Marrafon (São Paulo, SP) – 41 pontos

4º Rui Eduardo Moreira / Edson Uruguay de Almeida (Santo André, SP) – 40 pontos

5º Silvia Spisso / Douglas Spisso (São Paulo, SP) – 32 pontos

A 3ª etapa do Campeonato Paulista Off-Road teve apoio de SFICHIPS, Viagastro, FD Estandes e Displays, Street Motors, Logo & Tipos, Lenito Automóveis 4×4, SHEZ, Liberdade de Ideias – Jornalismo e Comunicação Integrada e Prefeitura de Pindamonhangaba.