Início Variedades Descubra como economizar com a mudança de maneira inteligente

Descubra como economizar com a mudança de maneira inteligente

(Foto ilustrativa/divulgação)

Preparar a mudança de maneira inteligente envolve gastar menos dinheiro, reaproveitar materiais, organizar e planejar com antecedência. Quando o deslocamento é feito para áreas mais distantes, como para outros estados, a tarefa exige ainda mais disposição e organização.

É bem verdade que a preocupação aumenta com as possíveis reviravoltas que ocorrem nas mudanças. E nisso os custos adicionais podem ser implacáveis! Sem falar nos gastos imediatos com a contratação de equipes especializadas. Em transporte, logística de mudança e proteção dos pertences.

Publicidade

Vale a pena dar aquela olhadinha no site mudeidecarona.com, portal confiável que dá excelentes descontos. Item imprescindível para obter a melhor experiência na passagem para a nova casa ou apartamento.

Além de contar com ajuda profissional por um preço justo, existem outros meios de poupar as despesas. Descubra como economizar com a mudança de maneira inteligente.

1- Faça o planejamento com poucas viagens

Um dos maiores erros de quem vê o orçamento pesar demais é exagerar na quantidade de viagens. Há um certo equívoco de quem acredita que utilizar transportes maiores sai mais caro que “parcelar” as idas e vindas. Isto é, fazer vários deslocamentos em dias diferentes.

Para economizar com a mudança de maneira inteligente, faça o planejamento com poucas viagens. Converse com a empresa de mudança e busque a solução mais barata diminuindo os itinerários.

2- Estabeleça a projeção do orçamento

Com o objetivo de reduzir o investimento na mudança, o indivíduo precisa estabelecer a projeção do orçamento. Identificando o quanto poderá pagar e o que não pode faltar na hora da mudança.

Portanto, faça uma lista com as principais tarefas, valores necessários e melhores datas. Priorize a organização não apenas com objetos da sua casa, mas também com o que sai do seu bolso.

Tenha em mente os recursos financeiros que precisará buscar para realizar a locomoção. Dessa forma você aplica o seu dinheiro apenas no que é essencial para se mudar sem abrir mão da economia.

3- Organize doações 

Há muitos objetos que guardamos em casa durante um tempo sem nenhuma utilidade. São peças de roupas que não cabem mais, livros didáticos não mais utilizados, móveis armazenados, entre outros. Não dá para ter uma experiência barata comprando embalagens para coisas que você jogará fora depois.  

Sendo assim, organize doações para se livrar de itens que estão fazendo hora extra no seu ambiente doméstico. Desapegue! Gaste menos!

4- Modere os gastos com embalagens

As caixas de papelão são as maiores parceiras quando o assunto é mudança. Ótimos reservatórios para acomodar os porta-retratos, livros, luminárias e eletrônicos. No entanto, a despesa com a compra de caixas, plástico bolha, fitas adesivas, sacolas plásticas e etc, pode assustar.

Seja consciente, modere os gastos com embalagens! Para fazer isso há boas alternativas, viu? Como escolher uma empresa de mudança que forneça as embalagens ou pesquisar o melhor preço nas lojas de materiais. Opte sempre pela praticidade, pelo custo-benefício.

Outra ótima ideia é ser criativo ao empacotar. Use também as malas, cestos, jornais velhos e sacolas reutilizáveis.

5- Prefira a mudança em dia de semana

Se quer economizar com a mudança de maneira inteligente, faça diferente. Enquanto a grande maioria das pessoas reserva o fim de semana, prefira o deslocamento em dia de semana. Os custos entre segunda e sexta-feira são diferenciados, sendo mais baratos do que no sábado e domingo.

A época do ano escolhida para executar a tarefa é outro ponto a analisar. Muitas famílias se organizam para fazê-lo no verão, o que resulta no aumento de tarifas das empresas de mudança. 

Pense em se mudar nos meses menos óbvios; fugindo de dezembro, janeiro e julho, períodos em que os valores estão mais elevados. Reflita em como esta estratégia tende a ser mais barata e flexível.

6- Se puder, chame os amigos para ajudar

Os empacotadores profissionais são sensacionais, é verdade. Mas esta pode ser uma forma de ampliar o investimento, aumentando também a dor de cabeça com o orçamento. Uma dica de ouro para quem quer economizar com a mudança é chamar os amigos para ajudar. Se puder, é claro.

Com isso, tudo será embalado de maneira caprichada, seguindo as indicações de quem chamou, sem gastar dinheiro. Talvez apenas para a pizza ao final da tarefa. Afinal, a experiência poderá render boas risadas e um momento divertido.