Início Variedades Pindamonhangaba tem grande crescimento e chega aos 25,6% de usuários de internet...

Pindamonhangaba tem grande crescimento e chega aos 25,6% de usuários de internet fibra óptica

Imagem ilustrativa / divulgação - internet

Com o advento da pandemia no ano de 2020, houveram muitas mudanças na forma de viver do brasileiro, não sendo diferente em Pindamonhangaba. Grande parte dos trabalhadores tiveram que transformar sua rotina de trabalho presencial e se adaptar à nova realidade de reuniões e atividades remotas.

As mudanças trazem coisas positivas e negativas, como tudo na vida. Ao mesmo tempo que a interação social e as atividades presenciais estão sendo cada vez mais difíceis, esse momento adverso trouxe a aceleração da digitalização e aumentou a necessidade de uma internet de alta qualidade.

Publicidade

O fato é que com o trabalho remoto, as empresas e funcionários tiveram que priorizar a qualidade da velocidade de internet sobre apenas contratar qualquer serviço, pois isso influenciava diretamente no desempenho de cada um.

Um estudo feito pela Selectra, empresa especializada em telecomunicações, analisa como se deu o crescimento das modalidades de internet no município. Comparando os dados de 2019 e 2020, pode ser observado o notável crescimento do uso de internet fibra óptica na cidade, aumentando o percentual de 12% para 25,6% entre os dois anos passados.  Indo um pouco mais além, em 2017, apenas 0,8% da população da cidade possuía esse serviço, demonstrando o crescimento exponencial.

As duas modalidades com maior porcentagem de contratados na cidade ao longo dos anos foram as de cabo coaxial e cabo metálico. São as formas de utilização mais comuns no país hoje em dia, apesar de serem fortemente criticadas pela perda de energia que se tem com esse modal e o não cumprimento da velocidade contratada.

Outras categorias que tiveram expressividade foram a de rádio e satélite. Pelo fato de conseguir chegar em lugares que as formas convencionais não conseguem, a internet via rádio é uma boa alternativa para as famílias que vivem em zonas rurais, com dificuldade de obter esse serviço em suas residências. O uso de dados só vem crescendo nos últimos anos e a pandemia só acelerou esse processo com cada vez mais pessoas usando o celular como meio de comunicação. Confira abaixo os dados da pesquisa:

Fonte: Selectra
Fonte: Selectra