Início Pindamonhangaba Projeto espalha cantigas e histórias tradicionais por bairros de Pindamonhangaba

Projeto espalha cantigas e histórias tradicionais por bairros de Pindamonhangaba

Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa

A Prefeitura de Pindamonhangaba está executando o projeto “Conto em Todo Canto”, que através da Secretaria de Cultura e Turismo, utiliza carro de som para espalhar cantigas e histórias do imaginário popular em bairros de vulnerabilidade social do município, incluindo o Distrito de Moreira César.

A ação acontecerá de quinta-feira a domingo durante todo o mês de março, das 14 às 17 horas. Os primeiros bairros contemplados serão o Liberdade e o Vale das Acácias, a partir da próxima quinta-feira (4). Nas sextas feiras, o bairro Araretama será o escolhido. Nos sábados e domingos, o carro passará pelos bairros Feital e Castolira respectivamente.

Publicidade

O “Conto em Todo Canto” prevê a gravação de cantigas e histórias recolhidas pelo Grupo Ziriguidum, pelo projeto Casa de Histórias e pela artista Vânia do Carmo. Ao longo dos cinco anos de atuação, o grupo Ziriguidum reuniu brincadeiras e histórias da cultura popular brasileira. Já o projeto Casa de Histórias, vem desde 2018 trabalhando com o público infantil.

A educadora Vânia do Carmo desenvolve projetos sobre a técnica de contar histórias oralmente em diferentes contextos. As artistas dos já trabalharam em conjunto no “1º Encontro de Contadores de Histórias de Pindamonhangaba”, projeto que foi aprovado pelo Edital Proac de Linguagens Artísticas e foi realizado com grande sucesso em maio de 2019 em Pindamonhangaba.

Agora, unidas pelo desejo de resgatar essa parceria e continuar seus processos de aprendizagem, as artistas criam uma rede para investigar colaborativamente e de modo remoto, cada vez mais a arte de contar histórias e o universo da cultura da infância.

Segundo elas, nos bairros escolhidos há uma grande concentração de crianças que podem ser beneficiadas com esta ação, já que os bairros são alvos de violência e tráfico de drogas. O projeto é importante para a difusão das músicas e contos de domínio público recolhidos, ampliando o alcance dessas obras, principalmente no atual momento de isolamento. De acordo com Fabiana Fonseca, uma das organizadoras do “Conto em Todo Canto”, o trabalho com o áudio favorece a criatividade das crianças, além de ser uma ferramenta que faz alusão a tradição de contar histórias.

“O intuito é levar um espaço de cultura popular brasileira por meio do carro de som. Através dos contos narrados, as crianças vão criando suas próprias imagens, seus próprios personagens. É uma brincadeira que envolve a criança nesse imaginário da cultura popular, favorece a criatividade e privilegia o contato com a cultura tradicional da infância”, destaca Fabiana.

Os áudios dos contos estarão disponíveis no canal do Youtube Ziriguidum Pinda.