Início São José dos Campos Prefeitura de São José dos Campos apresenta tecnologia para o transporte público

Prefeitura de São José dos Campos apresenta tecnologia para o transporte público

Foto: Claudio Vieira/PMSJC

A Prefeitura de São José dos Campos, por meio da Secretaria de Mobilidade Urbana, em parceria com a Cepesp/FGV (Centro de Política e Economia do Setor Público da Fundação Getúlio Vargas), irá apresentar a empresas e instituições públicas e privadas os resultados do PMI (Procedimento de Manifestação de Interesse), realizado para a criação do sistema tecnológico que irá integrar o novo modelo de transporte público do município. A apresentação será em um encontro online no próximo dia 15, às 14h.

No encontro, as equipes da Semob e do Cepesp/FGV irão apresentar o modelo lógico, jurídico e tecnológico para a contratação das plataformas de tecnologia, que em breve terão seus editais disponibilizados para consulta pública.

Publicidade

Os interessados em participar deverão enviar um e-mail para pmitecnologia@sjc.sp.gov.br até esta sexta-feira (11). Um link de acesso será enviado na véspera do evento. Até esta quinta-feira (10), mais de 90 pessoas de 40 empresas/instituições fizeram a inscrição para a apresentação.

A etapa da contratação do sistema tecnológico começou no dia 5 de junho deste ano, quando a Prefeitura abriu uma chamada pública para o desenvolvimento de cinco plataformas: clearinghouse de compensação e liquidação de valores, responsável também pelo armazenamento seguro dos dados; gestão dos dados de operação do transporte; comunicação com os usuários; gestão do sistema de transporte responsivo à demanda; e Mass (Modelo de Mobilidade como Serviço).

Histórico

A Prefeitura e a FGV (Fundação Getúlio Vargas) firmaram em janeiro de 2019 um contrato para a realização de estudos, análise, acompanhamento e reformulação do atual sistema do transporte coletivo da cidade, com o objetivo de preparar a nova concessão do transporte público, prevista para entrar em operação em 2021. Atualmente, o serviço é operado por três empresas, por meio do Consórcio 123.

Diferente do contrato atual, vencido pela empresa que apresentou a maior outorga ao município, a futura concessão terá como vencedora a empresa/consórcio que apresentar a menor tarifa técnica, já definida no edital com um valor menor que a atual.

O futuro modelo de concessão é inovador ao separar a operação, tecnologia e o financeiro, do serviço. O objetivo com essa divisão é ter empresas especializadas em cada uma das áreas e elevar a qualidade e modernização do serviço.

O objetivo da Prefeitura é oferecer um ambiente seguro juridicamente, econômico e transparente no transporte público, tendo como uma das diretrizes a integração entre todos os modais disponíveis à população.