Início Pindamonhangaba Pinda lança novo modelo de boletim; cidade tem 35 novos casos de...

Pinda lança novo modelo de boletim; cidade tem 35 novos casos de coronavírus

Pindamonhangaba lança, nesta segunda-feira (20), um novo modelo de boletim, ainda mais informativo e transparente. Este novo formato apresenta mais informações, com a novidade dos termômetros para que a população possa visualizar os riscos que os altos índices apresentam.

Outra diferença é que, com os números estabilizados da dengue, os casos não constam mais deste boletim, feito exclusivamente para informar sobre o coronavírus. Segundo a VE, o período de incidência do mosquito já passou, consequentemente, houve grande diminuição do número de casos e, nas duas últimas semanas, não há nenhum novo caso confirmado de dengue na cidade.

Publicidade

A Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde da Prefeitura divulga, no boletim desta segunda-feira (20), mais 35 casos testados positivo para coronavírus, entre eles um óbito de morador do Lessa. A Prefeitura de Pindamonhangaba lamenta a morte e se solidariza com os familiares.

Os demais casos positivos são dos seguintes bairros: Mantiqueira, Lessa, Vista Alegre, Mombaça, Vila Rica, Crispim, Azeredo, Laerte Assunção, Socorro, Cícero Prado, Cruz Grande, Terra dos Ipês, Jardim Regina, Araretama, São Benedito, Moreira César, Crispim, Vila São Benedito, São Benedito, Shangri-lá, Loteamento Paulino de Jesus, Vale das Acácias, Cícero Prado e Maricá.

O boletim de hoje informa ainda mais oito pessoas recuperadas, dos bairros: Araretama, Santa Cecília, Vila São Benedito, Alto do Cardoso e Vale das Acácias.

Com os números de hoje, Pinda chega a 545 pacientes testados positivos para coronavírus desde o início da pandemia na cidade. Hoje, Pinda tem 88% de ocupação de leitos de enfermaria e 44% de ocupação de leitos de UTI, somando redes pública e particular.

Importante destacar que Pinda conta, atualmente, com um paciente internado na UTI particular de São José dos Campos, isso significa que o caso entra para o número de pacientes de Pindamonhangaba mas não entra na taxa de ocupação de leitos.

O índice de isolamento na cidade está em 51%, segundo o Sistema de Monitoramento Inteligente do Estado de São Paulo, sendo que ideal é 55% como um dos itens para que a cidade mude da faixa laranja para a faixa amarela e, assim, possa reabrir mais comércios e serviços (como barbearias e salões de cabeleireiros, por exemplo).

A Prefeitura reforça, mais uma vez, que a pandemia não terminou e a população precisa colaborar fazendo sua parte: evitando aglomerações, usando máscara, higienizando as mãos constantemente e, principalmente, ficando em casa. O melhor remédio para o coronavírus é a prevenção, por meio do distanciamento social.