Início Pindamonhangaba Pindamonhangaba recebe prêmio por redução em mais de 80% da sífilis no...

Pindamonhangaba recebe prêmio por redução em mais de 80% da sífilis no município

(Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa)

O setor de Infectologia da Secretaria de Saúde da Prefeitura de Pindamonhangaba recebeu, na terça-feira (22), o 1º prêmio de redução da taxa de incidência de sífilis congênita e aumento na taxa de detecção sífilis na gestante. O município reduziu em 82% da sífilis congênita e 21% na gestante em relação aos anos de 2016-2017.

O município esteve entre as duas cidades da região (Pindamonhangaba e Guaratinguetá) a receberem o prêmio “Luiza Matida”, in memoriam, médica coordenadora na elaboração e implantação de políticas públicas e estratégias para a Eliminação da Transmissão Vertical do HIV e Sífilis do Programa Estadual de DST/Aids.

Publicidade

“Este resultado só foi possível devido à integração nas unidades de saúde do município, sobretudo, no setor de infectologia no empenho e dedicação no acolhimento e tratamento dos pacientes”, explicou o diretor do Departamento de Proteção aos Riscos e Agravos à Saúde, Rafael Lamana.

Sífilis é uma infecção sexualmente transmissível, podendo também ser transmitida para a criança durante a gestação ou parto, se dividir em 3 etapas que variam em decorrência do não tratamento adequado.

O tratamento é realizado a base de penicilina e evolui sem complicações quando tratado, porém quando não, pode progredir para problemas neurológicos, tais como AVC, demência, surdez, problemas de visão.

O diagnóstico é realizado por exames laboratoriais e sinais clínicos a depender do estágio da doença variando de feridas indolores no local da infecção a problemas neurológicos comprometendo a qualidade e de vida do paciente.