Início Pindamonhangaba Construção do novo terminal rodoviário é iniciada às margens da Via Dutra...

Construção do novo terminal rodoviário é iniciada às margens da Via Dutra em Pindamonhangaba

Imagem ilustrativa/Prefeitura de Pindamonhangaba

Pindamonhangaba terá a partir de 2021 um novo e moderno terminal rodoviário de passageiros. Com os projetos e planejamento iniciado em 2018, o empreendimento entra na fase de execução através da Prefeitura do município.

As obras tiveram início neste mês de junho e estão sendo realizadas em uma propriedade doada ao município pelos empresários da Rede Shibata de Supermercados, às margens da Rodovia Presidente Dutra, próximo à Fundação Universitária (FUNVIC). Atualmente vem sendo realizada a terraplanagem para atender as devidas inclinações.

Publicidade
(Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa)

A empresa responsável pela obra é KF Construções e Serviços, vencedora da concorrência Pública 08/2019 e o investimento previsto é de R$ 7,1 milhões de reais. O empreendimento terá uma área de 9.700m2 entre plataforma e área de circulação e o prédio com 1.860m2.

Além das 10 vagas na plataforma de embarque e desembarque e área de estacionamento para ônibus, o espaço terá área administrativa com vestiário e copa para funcionários, guichês, sanitários públicos acessíveis, fraldário, guarda-volumes, e espaços para locação de pontos comerciais e praça de alimentação.

Imagem ilustrativa/Prefeitura de Pindamonhangaba

O estacionamento contará com área para táxis e motoristas de aplicativo, área para carga e descarga para serviços, área para motos e bicicletas e mais de 50 vagas para veículos de passeio. A nova rodoviária ainda contará com uma praça externa, bem iluminada e com trabalho paisagístico.

“Com certeza teremos um espaço mais adequados à realidade e crescimento do município e com o novo terminal o município teremos também a possibilidade de uma melhor organização do sistema de transporte público municipal”, afirmou a secretária de Obras e Planejamento, Marcela Franco.

Segundo a secretária, outro objetivo deste investimento será levar o desenvolvimento para novos horizontes da cidade, desafogando o espaço atual e melhorando a qualidade de serviço ao munícipe, além da cidade ganhar um novo ponto de entretenimento.

Com a chegada da nova rodoviária às margens da Rodovia Presidente Dutra, Pindamonhangaba desbrava novas possibilidades de crescimento para uma região pouco explorada, que no final da década de 90 recebeu a FAPI (Faculdade de Pindamonhangaba), atualmente FUNVIC. A expectativa futura é de que nesta região a cidade receba no futuro o prolongamento da Rodovia Carvalho Pinto, que irá interligar à Via Dutra, onde estrategicamente estará localizada o futuro terminal.

“Outra intenção é atrair como ponto de embarque e desembarque as linhas com destino às grandes cidades do Brasil no sentido Rio de Janeiro, uma vez que a maioria das rodoviárias da região está localizada no sentido São Paulo. E outro aspecto que poderemos explorar com essa obra é a questão do turismo, que será fomentado com melhor estrutura”, explicou Marcela Franco.

Para o prefeito Isael Domingues, a obra demonstra que a cidade está num outro patamar. “Fizemos um grande sacrifício e ações de economicidade para buscar os recursos para que essa obra tornasse realidade. A única rodoviária que nossa cidade tem foi construída na gestão do ex-prefeito João Bosco Nogueira e inaugurada em novembro de 1988, portanto ela nos serviu durante 32 anos, agora precisamos avançar”.

A previsão de entrega desta obra está marcada para o início do segundo semestre de 2021.

Terminal em Moreira César – Com previsão para entrega ainda neste ano, o Distrito de Moreira também será beneficiado e pela primeira vez terá um terminal rodoviário. A empresa Convale Construtora está executando a obra, com custo de R$ 2,78 milhões, e já teve colunas e cobertura concluídas, estando em fase de construção dos boxes. A obra encontra-se no antigo pátio de festas do Distrito, ao lado da Vila dos Afetos e trará mais comodidade aos usuários do transporte público, além de movimentar a economia na região.

Com os dois novos terminais em operação no município, a atual rodoviária será desativada e seu espaço será utilizado para projetos futuros da Prefeitura.

Maquete – Para a população ter uma ideia de como ficará a obra, a Prefeitura contou com apoio da empresa Estalos Mentais que fez a doação da maquete eletrônica, colaborando de forma voluntária com esse projeto de interesse público.

“Trabalhar com empresas parceiras de forma colaborativa também está em nosso DNA. Nesse projeto da nova rodoviária de Pindamonhangaba, o trabalho conjunto com a Atmosfera Media e com o arquiteto Daniel Matias, fizeram toda diferença”, afirmou o diretor da empresa, Lucas Schmidt.
Segundo ele, a Estalos Mentais tem como missão ajudar empresas a identificar problemas, gerar soluções e intensificar resultados de forma inovadora. “Nosso foco principal engloba sempre as pessoas, pois quando buscamos evolução pensando e ouvindo todos os reais interessados, a assertividade é muito maior”, finalizou.