Início Variedades Derrame no joelho – causas e tratamento

Derrame no joelho – causas e tratamento

Derrame no joelho é o nome popular para o acúmulo de água no joelho, portanto muita gente chama essa condição de “água no joelho”. Mas o que causa essa água ou derrame no joelho?

Causas

Publicidade

A principal causa de acúmulo de líquido dentro do joelho é quando há excesso de produção desse líquido, chamado líquido sinovial. O líquido sinovial é produzido pela membrana sinovial, que é uma membrana que reveste o joelho.

Quando essa membrana se inflama, temos uma condição chamada sinovite. A sinovite causa excesso de líquido no interior do joelho.

O líquido sinovial tem a função de lubrificar o joelho, pois diminui o atrito entre as superfícies ósseas que compõe a articulação. Quando a membrana sinovial se inflama, o organismo tenta reparar a situação produzindo mais líquido. Por isso que a sinovite é também chamada de “água no joelho” por muitas pessoas.

Existem outras causas para derrame no joelho, fora a sinovite, que são:
● Artrite e artrose;
● Pancadas (traumas) no joelho;
● Gota;
● Infecções bacterianas;
● Doenças sexualmente transmissíveis, como a gonorreia.

Sintomas De Derrame No Joelho

A dor localizada no joelho é o principal sintoma de derrame. Mas outros sintomas podem vir acompanhados, dependendo da causa, como inchaço, vermelhidão, aumento da temperatura local e limitação de movimento, sobretudo da coxa.

Tratamento Para Derrame No Joelho

Thiago Fukuda nos diz que: “Para que um correto tratamento seja instituído é preciso, primeiramente, de um diagnóstico correto.”

De posse do diagnóstico para o problema, o tratamento geralmente envolve fisioterapia, para melhorar o fortalecimento da musculatura que sustenta o joelho.

Se caso o acúmulo de líquido for considerável, uma opção é realizar a drenagem desse líquido, que pode ser feito com uma agulha e anestesia local, no consultório do médico ortopedista.

Se o acúmulo de líquido no joelho vier acompanhado de dor, o médico ortopedista prescreverá analgésicos e anti-inflamatórios, justamente para tirar o paciente daquele quadro agudo de dor.

Após a melhora da dor, sessões de fisioterapia serão recomendadas para melhora da circulação local, evitando assim novos acúmulos de líquido.

Diagnóstico

Conforme já mencionado, um correto diagnóstico é fundamental para instituir o tratamento adequado.

O diagnóstico da causa de derrame articular será feito pelo médico ortopedista por meio de um exame físico, além de fazer uma série de perguntas ao paciente.

Alguns exames de imagem, como exame de raio-X e ressonância magnética, podem ser solicitados, para avaliação interna do joelho. Mas o exame físico inicial é sempre o mais importante.

Fatores De Risco Para Derrame Articular

Existem algumas condições que favorecem o aparecimento do derrame articular. Confira!

1 – Envelhecimento
Com os anos, aumenta a chance de problemas mais característicos da idade, como a artrose;

2 – Esportes de impacto
Esportes como futebol, basquete ou luta apresentam maior probabilidade de lesões de impacto direto no joelho ou ainda movimentos de torção, o que pode causar lesões nos ligamentos.

Além disso, outros esportes podem causar micro-traumas no joelho, uma vez que o atleta profissional ou amador, ao praticar, faz com que haja esforço repetitivo na mesma região.

3 – Obesidade
Pessoas com maior peso estão mais propensas a terem problemas no joelho, devido à sobrecarga que impõe à articulação.

4 – Sedentarismo
Pessoas sedentárias têm risco maior de desenvolverem problemas nas articulações, justamente porque as articulações, quando não exercitadas ou quando mantidas imóveis por muito tempo, tendem a ter inflamações.

Complicações

Se caso o derrame no joelho não for tratado, o quadro pode piorar, com dor maior e maior limitação de movimento, com atrofia muscular.

Além disso, pode-se ter a formação do chamado Cisto de Baker, que é um cisto resultado do acúmulo de líquido na porção traseira do joelho.

Busque sempre o diagnóstico e faça o tratamento instituído pelo médico ortopedista, não faltando às sessões de fisioterapia.

O Instituto TRATA possui os mais gabaritados profissionais da área de fisioterapia. Agende hoje mesmo sua consulta.