Início Pindamonhangaba Carreta da mamografia estará em Pindamonhangaba de 17 a 29 de fevereiro

Carreta da mamografia estará em Pindamonhangaba de 17 a 29 de fevereiro

(Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa)

Após diversos pedidos da Secretaria de Saúde da Prefeitura de Pindamonhangaba, o Governo do Estado de São Paulo autorizou o envio da carreta do Programa “Mulheres de Peito” para Pindamonhangaba, onde permanecerá de 17 a 29 de fevereiro oferecendo mamografias grátis e sem necessidade de pedido médico para mulheres entre 50 e 69 anos de idade.

“Apresentamos no dia 6 de setembro ao Secretário de Saúde, Dr. José Henrique Germann Ferreira nossa justificativa de uma demanda reprimida de mais de 2 mil mamografias. Realizamos a compra dos exames e ainda utilizamos as vagas disponibilizadas pela Central CROSS, mas mesmo assim a procura pelas mulheres é muito grande. Dia 21 de outubro reiteramos novamente ao Secretario o pedido e agora em dezembro ele nos informou que a partir de 17 de fevereiro a carreta atenderá as mulheres da nossa cidade. Agradecemos ao Governo do Estado por essa sensibilidade ao nosso pedido e à população de Pindamonhangaba”, afirmou Valéria Santos, secretária municipal de Saúde.

Publicidade

Para o prefeito Isael Domingues, esta parceria Prefeitura e Estado só traz benefícios à população. “A carreta esteve em 2018, fizemos o pedido em 2019 pois existe demanda na cidade e agora o Estado autorizou a presença dela em fevereiro. Quero agradecer a secretaria Valeria Santos e a adjunta da pasta, Mariana Freire, pela cobrança intensa que fizeram”, afirmou o prefeito.

Sobre a Carreta

O veículo oferece exames de mamografia de segunda à sexta-feira, das 9h à 18h, e aos sábados, das 9h às 13h, exceto feriados. As imagens captadas pelos mamógrafos são encaminhadas para o Serviço Estadual de Diagnóstico por Imagem (Sedi), serviço da Secretaria que emite laudos à distância, na capital paulista. O resultado sai em até 48 horas após a realização do procedimento.

A carreta do Mulheres de Peito também atende mulheres mais jovens, mas, neste caso, é obrigatório levar o pedido médico, além do RG e do cartão do Sistema Único de Saúde (SUS).

O câncer de mama é a maior causa de morte por tumores em mulheres no Brasil e também em São Paulo. “O acesso ao exame de mamografia agiliza o diagnóstico e o tratamento precoce para a doença”, explicou José Henrique Germann, secretário de Estado da Saúde.