Início Pindamonhangaba Secretaria de Saúde realiza Audiência Pública para apresentação do Relatório Detalhado do...

Secretaria de Saúde realiza Audiência Pública para apresentação do Relatório Detalhado do 2º Quadrimestre de 2019

(Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa)
Publicidade

Dados evidenciaram que o município mantém aplicação acima da recomendação constitucional de 15%

A Secretaria de Saúde realizou no último dia 03 de outubro, no Plenário Francisco Romano de Oliveira, da Câmara de Vereadores de Pindamonhangaba, uma Audiência Pública para apresentação do RDQA – Relatório Detalhado do Quadrimestre Anterior, relativo ao 2º Quadrimestre de 2019.

A Audiência foi presidida pelo vereador Jorge Pereira Alves – Jorge da Farmácia (PR) – membro da Comissão de Saúde e Assistência Social da Câmara e contou com a apresentação da Secretária Adjunta, Mariana Prado Freire e a Diretora de Administração e Finanças da Secretaria de Saúde, Alyne Santos Ribeiro Lima.

De acordo com o relatório, foram aplicados 35,02% na área da Saúde, perfazendo o total de R$ 87.896.416,30. A descrição detalha a participação das despesas com ações e serviços públicos de saúde na receita de impostos líquida e transferências constitucionais e legais.

Despesas Empenhadas

Seguindo a apresentação, as Despesas Empenhadas tiveram o montante de R$ 250.959.128,98 com Receita Total de Impostos, gerando o valor de R$ 126.113.432,29 com Despesas na Saúde. As Transferências e Taxas totalizaram R$ 38.217.015,99 e as Despesas Brutas Aplicadas na Saúde foram de R$ 87.896.416,30.

Despesas Liquidadas
Da receita total de impostos, foram liquidados no 2º quadrimestre de 2019 os seguintes valores: R$ 98.167.598,10 da Despesa Total da Saúde; R$ 25.201.064,94 referentes a Transferências e Taxas e o montante de R$ 72.966.533,16 de Despesas Brutas Aplicadas na Saúde, que obtiveram o percentual de 29,08% de Recursos Próprios Aplicados na Saúde.

Considerações

A descrição feita pela Secretaria de Saúde apresentou o percentual legal de 15%, na ordem de R$ 37.643.869,35, de acordo com a arrecadação de impostos, porém o montante aplicado ficou bem acima deste valor, R$ 87.896.416,30, que totalizou 35,02%, sendo que a folha de pagamento dos profissionais de saúde apresentou a quantia de R$ 42.180.461,14.

Realizações

O segundo quadrimestre de 2019 apresentou como principais realizações na área da saúde: Aumento nas atividades realizadas do Centro de Práticas Integrativas e Complementares (CPIC) como yoga, grupo geti, cromoterapia, reflexoterapia, cozinha saudável, meditação, acupuntura e quik massage; Reformas concluídas das unidades ESF Cidade Nova e UBS Vila São Benedito; Aumento na realização de exames no 2° Quadrimestre; Aumento 7,7 % no atendimento da Farmácia (Componente básico); Aumento das ações de promoção e prevenção em saúde; Diminuição da taxa de mortalidade infantil no 2° Quadrimestre; Não houve casos novos de hanseníase no 2° Quadrimestre; Aumento significativo das notificações e casos confirmados de Dengue; Diminuição na visita em bloqueio de controle de criadouros e bloqueios de nebulização para combater a Dengue; Aumento na cobertura vacinal de Sarampo (4.673 pessoas); Diminuição de notificações e casos confirmados de Tuberculose e de Aids; Aumento nos casos confirmados e notificados de Sarampo e Aumento na cobertura vacinal da Febre Amarela, Pentavalente e Poliomielite em menores de 01 ano.

Ações realizadas

Dentre as principais ações realizadas, o SAMU fêz 2.217 atendimentos, no CPIC, foram realizadas 162 consultas de homeopatia e 124 consultas com endocrinologia, relativo a obesidades. Também houve a realização das seguintes atividades: Tai Chui Pai Lin, Cromoterapia, Rosas, Floral, palestras sobre alimentação, Reiki, Quik Massage, Yoga, auriculoterapia, reflexoterapia, terapia comunitária, cozinha saudável, GEA – Grupo de Escuta Ativa, Grupo GETI – Grupo de Estudo e Trabalho Intersticional, REP, artesanato e meditação, entre outros.

O Laboratório realizou 269.112 exames.

A Secretaria de Saúde também realizou as seguintes campanhas: Maio – Campanha de Vacinação contra Influenza; Dia do Enfermeiro – Palestra sobre “ Valorização dos profissionais da Saúde e suas Responsabilidades” e Confraternização dos profissionais de enfermagem e premiação para os funcionários mais antigos; Semana de Conscientização de Prevenção a Acidente (SIPAT), palestras sobre “Prevenção de acidentes”; Dia Mundial sem Tabaco – mobilização na Praça Monsenhor Marcondes com palestras e abordagens a população para a importância da valorização à Saúde, Viva sem Tabaco. Em Junho foram realizadas: Campanha de Vacinação contra Influenza; Semana Municipal – “Abuso de Tráfico de Drogas”. Alertar e conscientizar sobre o uso e abuso de álcool e outras drogas; 4º Fórum de Prevenção e Tratamento sobre o uso de Drogas. Em Julho: Campanha de Vacinação HPV Meningite e Hepatite B, na Praça Monsenhor Marcondes e nas Unidades de Saúde; Atividade de Prevenção à Saúde: aferição de pressão, glicemia, IMC, circunferência abdominal, orientações nutricionais, na Feira da Saúde da Pastoral São Cristóvão; Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais, mobilização na Praça Monsenhor Marcondes com ações integradas com ofertas de testes rápidos. Agosto: Semana Mundial da Amamentação com ações integradas ao estímulo ao aleitamento materno e atualizações nas técnicas de amamentação; Campanha de Vacinação Poliomielite; Dia Mundial das Plantas Medicinais – CPIC orienta as práticas das terapias alternativas; Dia Nacional de Conscientização da Esclerose Múltipla – Palestra e debate sobre “Prevenção e tratamento” no Auditório da Prefeitura e a Campanha de Vacinação Antirrábica.

Ao concluir os trabalhos, a Secretária Adjunta Mariana Freire foi questionada pela munícipe Kelly Magalhães a respeito do funcionamento do CAPS Infantil. Ela disse que em breve deverá entrar em funcionamento, provavelmente na Rua Albuquerque Lins, onde funciona o Laboratório de Saúde Mental que deverá ir para outro prédio, após a assinatura de contrato com os profissionais que atuarão no local, nas especialidades: Neuropediatria, Psiquiatria Infantil, Psicólogos, Assistente Social e Terapia Ocupacional.

Participação Popular

Todas as Audiências Públicas são abertas à população, inclusive para questionamentos pelo público presente e pelos vereadores. Além disso, são transmitidas ao vivo pela TV Câmara, no canal 4 da NET e pela internet, através do portal: www.pindamonhangaba.sp.leg.br.