Início São José dos Campos Grupo Nexus quer levar a RMVale à vanguarda da arquitetura

Grupo Nexus quer levar a RMVale à vanguarda da arquitetura

Presidente do Grupo Nexus, Kleber Santos, durante o lançamento da 1ª Mostra Nexus - Container4you (Foto: Gilberto Freitas/Divulgação)
Publicidade

Com programa de fidelidade, premiações, debates, treinamentos e mostra inédita, grupo formado por empresas do setor tem como missão valorizar e tornar conhecida a qualidade do mercado regional

O vaivém de arquitetos – e entre eles alguns dos mais renomados do país, como Oscar Niemeyer e Rino Levi – era justificável: São José dos Campos se tornara, entre 1950 e 1970, um campo fértil para criações originais e inovadoras. Agora, 50 anos depois, um grupo de empresários do segmento de arquitetura, design e decoração começa a resgatar o frenesi da época para recolocar a cidade na vanguarda criativa da construção civil.

Eles formam o Grupo Nexus, que foi criado em 2018 para conectar arquitetos, paisagistas, designers de interiores, urbanistas e as principais marcas do setor. “É uma ação de relacionamento com os profissionais, que oferece um programa de fidelidade aos participantes. Mas é, principalmente, um programa que busca excelência na prestação de serviços, pois reúne empresas sérias e reconhecidas na região, e que quer valorizar o mercado regional, prestigiando a qualificação dos nossos arquitetos”, afirma o presidente do Grupo Nexus, Kleber Santos.

Com esse objetivo, o Nexus organiza a 1ª Mostra Nexus – Container4you, evento que começa oficialmente em 25 de outubro, mas que já está movimentando o setor em São José dos Campos e região.

A exposição, que vai contar com 28 ambientes assinados por 29 escritórios da Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte, a RMVale, vai mostrar como as caixas de metal já são uma tendência para quem procura moradia sustentável, ao mesmo tempo em que buscam conforto, qualidade de vida, comodidade e tecnologia.

Para tanto, desde maio deste ano o Nexus tem organizado palestras e debates acerca das novas configurações do mercado da arquitetura, amparadas na realidade econômica contemporânea, nas novas tecnologias, no crescimento das cidades e no esgotamento dos recursos naturais.

“O DNA do Nexus é valorizar o mercado, elevar a qualidade de todos que participam desse setor. E isso passa por tudo, desde o reconhecimento que concedemos a todos os arquitetos que participam do programa, inclusive com um resgate de produtos a partir de aspectos meritocráticos, até as capacitações e cursos. Da mesma forma, o feedback que eles trazem às marcas que compõem o Nexus é fundamental para garantir um atendimento cada vez melhor ao cliente, qualidade e respeito aos prazos”, afirma Santos.

Atualmente, o Grupo Nexus é composto por 25 empresas, de todos os segmentos da arquitetura, decoração e construção, com reconhecida atuação no seu ramo de negócios. O grupo oferece um programa de fidelidade no qual os profissionais participantes (arquitetos, urbanistas, designers) compartilham seus projetos em busca das melhores soluções com os fornecedores – hoje, são mais de 800 profissionais cadastrados no programa.

“De um lado, o profissional sabe que pode confiar na qualidade do prestador de serviço. Do outro, nós apoiamos projetos de qualidade e podemos, depois, reconhecer e valorizar esses profissionais”, explica o presidente do Grupo Nexus.

Centro de práticas inovadoras

Com a Mostra Container, o objetivo é ampliar o reconhecimento aos arquitetos, decoradores e paisagistas da região, recolocando São José dos Campos e a RMVale no centro das práticas inovadoras da arquitetura, assim como aconteceu entre 1950 e 1970.

À época, passaram pela cidade Oscar Niemeyer (1907-2012), que projetou as estruturas do DCTA (Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial) e do ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica), e Rino Levi (1901-1965), autor da residência Olivo Gomes, localizada no Parque da Cidade, na zona norte, e responsável pelo projeto da maior parte do complexo da Tecelagem Parahyba, como as casas dos operários e o galpão para máquinas.

Também passaram pela região, entre outros, José Zanine Caldas (1919-2001), que fez a Residência Sebastião Pontes, em 1950 (Jardim América); o francês Jacques Pilon (1905-1962), que ergueu o Banco Francês e Brasileiro, em 1956 (rua 15 de Novembro); David Libeskind (1928- 2014), que projetou o Edifício Eduardo Bernini, em 1957 (praça Afonso Pena); e Ruy Ohtake, 81, que fez a Residência Hiroshi Kameyama, em 1970 (Jardim Esplanada).

As empresas que compõem o Grupo Nexus são: Universo Iluminação, Machuca Construções, Dimare, Riolax, Techdomus, Atimaky, Pizzotti, Stilli Tapetes, Audio Excellence, Tintas Renner, STR Ar Condicionado, Casa de Lila Presentes, Esqualyvale, Firmato Móveis, DNA Interiores, Destaque Vidros, Arantes Marmoraria, Pisovale, Maison Revest, HMF Construtora, Ekológika Revestimentos, Led SJC, Brumas Design e Decoração, Stilo Movelaria, Casa Blindex.