Início Variedades Mais de 8 mil pessoas participam do projeto “Teatro a Bordo”

Mais de 8 mil pessoas participam do projeto “Teatro a Bordo”

(Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa)
Publicidade

Com apoio da CCR NovaDutra, primeiro teatro móvel do Brasil visitou quatro cidades pela via Dutra

Mais de 8 mil pessoas participaram do “Teatro a Bordo – Caixola de Histórias”, projeto que conta com apoio da CCR NovaDutra, por meio Instituto CCR. Foram quatro cidades visitadas pelo projeto, entre Santa Isabel (Alto Tietê), São José dos Campos e Taubaté (Vale do Paraíba) e Resende (Sul Fluminense).

A itinerância do Teatro a Bordo, o primeiro teatro móvel do Brasil, aconteceu de abril a agosto, levando atividades gratuitas com oficinas educativas, com programação diversificada, visitas às escolas, peças de teatro e apresentações de artistas locais. As atividades levaram mensagens sobre a valorização da cultural local e da importância da sustentabilidade, através de oficinas de confecção de bonecos brincantes e contações de histórias. Os artistas realizaram cortejos pelas escolas e em alguns pontos dos municípios, onde divulgaram e convidaram o público para assistir as apresentações e participarem das oficinas.

‘Caixola de Histórias’

Para este ano, o Teatro a Bordo criou o espetáculo ‘Caixola de História’, que utiliza técnicas do teatro de animação, sombas, músicas ao vivo e o improviso tradicional, para encenar pequenas histórias que retratam o miticismo indígena, a resistência do povo, a força da natureza e a alegria das festas populares.

Para o fechamento do espetáculo, homenageando a cidade onde o caminhão palco estava estacionado, o Teatro a Bordo criou uma cena com base nos registros da memória popular do município, coletados no primeiro dia do projeto. A oficina para a criação da cena foi aberta para todos os interessados. A programação também incluiu sessão de vídeo e a peça teatral “Sessão Solene – A Princesa e o Gigante”.

O Teatro a Bordo é apresentado pelo Ministério da Cidadania e Instituto CCR, com apoio da CCR NovaDutra, por meio das Leis de Incentivo à Cultura, além do apoio das prefeituras locais.

Sobre o Instituto CCR: Completando 5 anos em 2019, o Instituto CCR é uma entidade privada sem fins lucrativos que nasceu com o objetivo de estruturar a gestão de projetos de Responsabilidade Social apoiados há mais de 15 anos pelo Grupo CCR. Por meio do Instituto CCR são viabilizados projetos com recursos próprios da companhia e oriundos de leis de incentivo, com foco prioritário em quatro áreas: Cultura e Esporte; Educação e Cidadania; Meio Ambiente e Segurança Viária; Saúde e Qualidade de Vida. Comprometido com o desenvolvimento sustentável, socioeconômico e cultural nas regiões onde atua, o Grupo CCR se orgulha de ter levado cerca de 600 projetos para mais de 150 cidades no Brasil e no exterior, que, desde 2003, já beneficiaram 10,7 milhões de pessoas com investimentos de R$ 291 milhões em projetos estruturados. Saiba mais em www.institutoccr.com.br.