Início Cidades EDP realizou mais de 15 mil inspeções contra furto de energia no...

EDP realizou mais de 15 mil inspeções contra furto de energia no Vale

Imagem: Reprodução / Internet
Publicidade

Durante os primeiros seis meses do ano, a EDP, distribuidora de energia elétrica do Vale do Paraíba, atuou fortemente no trabalho contra as fraudes de energia. As equipes técnicas de campo realizaram 15 mil inspeções, o que resultou na recuperação de mais de 3 mil megawatts-hora (MWh) irregulares, volume suficiente para abastecer os municípios de Monteiro Lobato, Jambeiro e Santa Branca ou 26 mil habitantes por um mês.

Prática perigosa, que pode pôr em risco a vida das pessoas, o furto de energia causa interrupções e instabilidades no fornecimento de todos os clientes, além de aumentar o valor da fatura de energia para os consumidores regulares. Como o cálculo do preço da tarifa abrange também as perdas elétricas da Concessionária, o custo da energia usada irregularmente é parcialmente repassado a todos os usuários. O Estado também é prejudicado, já que deixa de arrecadar o Imposto sobre Comercio e Serviço (ICMS), cobrado por meio da conta de luz.

Visando o combate às fraudes, as inspeções da EDP são realizadas diariamente em residências, estabelecimentos comerciais e indústrias de toda a área de concessão. “As tecnologias dos fraudadores se aprimoram ano a ano, mas a Companhia também investe em ferramentas e sistemas de última geração, além de capacitar seus colaboradores para investigar possíveis manipulações nos medidores ou qualquer anormalidade”, destaca Luciano Cavalcante, gestor executivo da EDP.

Além das inspeções em campo, a Empresa consegue identificar inconsistências no sistema de medição a partir de uma central de monitoramento remoto, a qual avisa caso haja suspeita de irregularidade. “O objetivo das ações contra o furto é prevenir acidentes por conta das ligações precárias, que não observam os padrões e normas técnicas, além de garantir a qualidade e continuidade do serviço aos clientes que pagam suas contas em dia,” finaliza Cavalcante.

Vale ressaltar que o Artigo 155 do Código Penal Brasileiro, prevê que o furto de energia é crime e passível de multa e prisão de um a quatro anos para o infrator. E conforme a regra da Resolução da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), após o flagrante, é realizada a cobrança de todo o valor não faturado durante o período do furto.

Dados – Vale do Paraíba

MUNICÍPIO

QTD. INSPEÇÃO

ENERGIA RECUPERADA (MWh)

SAO JOSE DOS CAMPOS

5.311

609

TAUBATE

2.540

701

JACAREI

2.305

431

GUARATINGUETA

1.120

204

PINDAMONHANGABA

1.100

284

CRUZEIRO

945

64

CACAPAVA

801

188

LORENA

671

57

APARECIDA

345

297

TREMEMBE

205

24

CACHOEIRA PAULISTA

180

7

POTIM

105

129

SANTA BRANCA

60

7

MONTEIRO LOBATO

42

2

JAMBEIRO

11

0

CANAS

10

1

ROSEIRA

7

12


Como denunciar

Com intuito de coibir cada vez mais a prática, a EDP pede que a população contribua, denunciando as ligações irregulares. A Distribuidora disponibiliza os canais de atendimento aos consumidores:

– Site EDP Onlinewww.edponline.com.br

– Aplicativo EDP Online (compatível com as plataformas Android™, iOS e Windows Phone)

– Agências de atendimento (o endereço de cada ponto pode ser encontrado no site EDP Online)

– Central de Atendimento ao Cliente0800 721 0123 (ligação gratuita, 24 horas/sete dias por semana).

É importante salientar que o sigilo da denúncia é total, e a inspeção realizada com a máxima urgência.