Início Variedades Cartão de crédito: como usá-lo de forma inteligente para organizar sua vida...

Cartão de crédito: como usá-lo de forma inteligente para organizar sua vida financeira

Créditos: iStock

Cartões de crédito estão cada vez mais presentes na vida dos brasileiros, mas é preciso entendê-los melhor para sua utilização consciente

A utilização de cartões de crédito tem crescido muito nos últimos anos. Segundo a Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs), os pagamentos feitos através dos cartões de crédito tiveram um aumento de 42,4% no primeiro trimestre deste ano, em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Publicidade

Apesar de sua utilização apresentar conforto e comodidade, é preciso entender que ele não é uma extensão de seu próprio dinheiro, comportando-se como uma espécie de empréstimo sob taxas de juros altíssimas. Conheça as principais medidas que promovem o seu uso consciente, usufruindo de todos os benefícios disponíveis, para evitar complicações e o risco de inadimplência.

Alterar o limite do cartão

As empresas de crédito costumam pré-aprovar um limite de gastos muito alto, mas o usuário não é obrigado a utilizá-lo. É possível, muitas vezes, ajustar o seu próprio limite para valores que condizem melhor com sua realidade financeira. Dessa forma, diminuindo seu próprio limite, é mais difícil de ser seduzido pelos altos saldos disponíveis, evitando a possibilidade de endividamento e de extrapolar seu orçamento mensal com compras que não são realmente necessárias.

Praticar o controle de gastos

É sempre importante acompanhar a fatura do cartão de crédito. Seja pelo internet banking, pelo aplicativo para smartphone ou através da consulta da fatura em um caixa eletrônico, essa prática permite que o usuário esteja consciente das dívidas que já adquiriu durante o mês, reduzindo as chances de perder o controle ou se surpreender com o saldo no momento do fechamento da fatura. Essa atitude também ajuda a evitar fraudes e cobranças indevidas, podendo recorrer ao banco, assim que a inconstância for identificada.

Prestar atenção à data de vencimento

Não esquecer a data de vencimento do cartão é primordial. O atraso do pagamento da fatura, mesmo que em apenas um dia, faz com que as taxas de juros sejam aplicadas. Além disso, pode ser necessário realizar um planejamento financeiro para sempre possuir dinheiro na conta na data de pagamento da fatura. Outra prática necessária é evitar a opção de pagamento mínimo, pois elas contam com juros ainda mais altos, e as dívidas podem se multiplicar.

Evitar o acúmulo de cartões

É muito cômodo possuir mais de um cartão de crédito, mas sem um planejamento adequado, é muito fácil perder o controle e se endividar. São várias faturas a serem pagas, datas de vencimento diferentes, e é muito difícil acompanhar todas as informações e se lembrar de todos os gastos quando eles estão separados. Além disso, dividindo as contas em cartões diferentes, você pode perder as vantagens ou os pontos das empresas de crédito, pois pode não acumular gastos suficientes em cada um dos cartões.

Estudar diferentes propostas

Algumas pessoas que não estão acostumadas com o seu uso podem se questionar sobre qual o score mínimo para obter um cartão de crédito. A concessão de crédito nunca foi tão fácil como nos dias de hoje, e existe uma forte renovação do mercado, com maior variedade de opções, que facilitam o acesso ao crédito sem a rigidez dos bancos tradicionais. É possível estudar diferentes propostas e alternativas para adquirir aquela que lhe é mais atrativa e concede mais benefícios. Existem muitas opções disponíveis que não cobram anuidade ou que oferecem sistemas de pontos quando você gasta no cartão, podendo trocar por milhas, produtos ou até mesmo dinheiro para pagar suas contas.