Início Variedades Com Selic a 12,75% Investimentos como Multimercados e Previdência se despontam

Com Selic a 12,75% Investimentos como Multimercados e Previdência se despontam

Imagem: Banco de Imagem

poupança ainda perde para inflação e outros investimentos são mais atrativos 

Maio começou com uma nova taxa de juros, o Comitê de Política Monetária (Copom) elevou a taxa Selic para 12,75%. A alta de juros é mocinho e bandido no enredo da economia. Se por um lado ela freia consumo para controlar a inflação e dificultar linhas de crédito por outro lado, reflete positivamente quando o assunto é investimento, principalmente, aos vinculados as modalidades de pós- fixados. 

Publicidade

Mas, para se utilizar a seu favor a taxa de juros é preciso conhecimento e estratégia na hora de investir, há boas opções em Renda Fixa.   

Com educação financeira cada vez mais o brasileiro está aprendendo a sair da tradicional poupança com retorno fixo de 6,17% ao ano + TR para aproveitar melhor os juros e aplicar o dinheiro por exemplo, em previdência privada ou mesmo na “bola da vez”, que é fundo de multimercados. 

Fundo de Multimercados 

O fundo de multimercados está chamando a atenção porque somente neste ano de 2022 já teve um rendimento de 7,19%. 

Leonardo Alonso, assessor de investimentos da Maestro Investimentos, explica que o fundo de multimercados conta com um gestor, que tem a possibilidade de realizar alocação do dinheiro em renda fixa, em renda variável, em investimentos internacionais e que tudo vai depender do objetivo do fundo em questão. 

“Há vários tipos de fundos, independentemente do modelo de estratégia adotado, o principal objetivo do fundo de multimercados é a proteção da carteira do cliente. O gestor analisa o cenário econômico do momento e se utiliza do meio mais eficiente para a diversificação da aplicação”, explicou o assessor de investimentos da Maestro. 

O fundo de multimercado atende aquele investidor que não tem um perfil tão arrojado, mas que também não é tão conservador. 

“Os fundos multimercados costumam ser vistos como alternativas tanto quando o assunto é risco quanto no que se refere a potencial de retorno” acrescentou o especialista. 

Previdência Privada 

O interesse pela previdência privada vem crescendo nos últimos anos, muitos investidores despertaram para este investimento por conta da longevidade da terceira idade e com a pandemia do coronavírus, muitos optaram por esta modalidade por questão de segurança de renda extra. Junta – se a estes fatores a alta de juros, que deve se estender ao longo deste ano e favorece a rentabilidade dos planos. 

Leonardo Alonso ressalta que esta modalidade é um planejamento a longo prazo e que durante o período de investimento é importante contar com a ajuda especializada do assessor. 

“Existem fundos de previdência onde se investem em renda fixa, ou somente em multimercados ou somente em ações. O especialista fará a estratégia para fazer o melhor planejamento a longo prazo, adequando o plano a melhor rentabilidade”. 

Além do cenário atual, que potencializa a perspectiva de rentabilidade da previdência privada, outra vantagem que o investidor encontra é a possibilidade de abatimento no Imposto de Renda.  

Para quem faz a adesão à previdência privada na modalidade Plano Gerador de Benefício Livre (PGBL) é possível deduzir as contribuições realizadas ao longo do ano até o limite de 12% dos rendimentos brutos tributáveis. Nesse caso, a declaração anual do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) deve ser feita utilizando o modelo completo. 

No caso da previdência do tipo VGBL, o imposto vai recair apenas sobre os rendimentos. 

Ações 

No caso de quem investe na Bolsa Brasileira, o investidor deverá ficar atento a segmentos que possam se beneficiar da alta de juros, como por exemplo o setor bancário, que são os fornecedores de crédito. 

“Neste caso é preciso analisar bastante o cenário econômico interno e externo, as estratégias de cada empresa e o cenário interno desta empresa, se é uma boa pagadora de dividendos. Qual segmento é impactado positivamente ou negativamente e ainda, avaliar que segmento é interessante dentro da Bolsa para se investir num momento de Selic alta. E sempre contar com uma assessoria especializada, pois este profissional irá auxiliar com análises e estratégias neste processo de escolha para se investir com segurança”, enfatizou Leonardo Alonso. 

Fonte: Maestro Investimentos      

São Paulo: Rua Gomes de Carvalho, 1108, 14º andar – Vila Olímpia. (11) 3164-3575.       

S. José dos Campos: Av. Cassiano Ricardo, 319, 21º andar- Jd. Aquarius. (12) 3322-8919. (@maestro.investimentos).