Início Pindamonhangaba Câmeras de Segurança identificam autor de atropelamento com vítima fatal em Pindamonhangaba

Câmeras de Segurança identificam autor de atropelamento com vítima fatal em Pindamonhangaba

Foto: divulgação/ PMP

Em operação em conjunto da Polícia Militar e Polícia Civil com a Prefeitura de Pindamonhangaba, foi possível identificar a autoria de um homicídio culposo de acidente de trânsito, ocorrido nos primeiros minutos desta segunda-feira (7) no município.

Publicidade

Em menos de 48 do ocorrido, as câmeras de monitoramento do Centro de Segurança Integrada da Prefeitura de Pindamonhangaba identificaram a autoria, possibilitando a Polícia Civil a abertura do boletim de ocorrência para instauração do inquérito policial. O trabalho de identificação foi executado diretamente pelo Secretário de Segurança, Fabrício Pereira e pelo GCM Calado.

Foto: divulgação

Segundo informações policiais, C.E.S de 42 anos, que vivia em situação de rua foi atropelado na Avenida Dr. Jorge Tibiriça, próximo ao Largo São Benedito e segundo o relato de testemunhas, o motorista estava em um veículo Corsa de cor prata e evadiu-se do local sem prestar socorro. O SAMU prestou atendimento, mas a vítima não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Com as informações inicias, após contato com a Secretaria Municipal de Segurança Pública, os investigadores da Polícia Civil tiveram acesso às imagens das câmeras do local possibilitando a identificação do veículo GM Corsa, da cor prata, ano 2.000 e consequentemente a autora do atropelamento.

Na tarde da última terça-feira (9), a mulher identificada nas imagens prestou depoimento na Delegacia de Polícia Civil ao delegado Dr. Vinícius Vieira, sendo liberada para aguardar em liberdade a instauração do inquérito policial.

“Essa foi mais uma demonstração de grande sucesso que o nosso Centro de Segurança Integrada vem prestando para a nossa comunidade, provando que as câmeras de Pindamonhangaba têm a finalidade de combater a criminalidade e colaborar com os serviços de inteligência dos órgãos policiais na identificação daqueles que comentem infração. Temos hoje mais de 1.000 câmeras espalhadas pela cidade e vamos melhorar cada vez mais esse trabalho”, afirmou o secretário Fabrício Pereira.