Início São José dos Campos São José dos Campos tem queda nos principais índices de criminalidade

São José dos Campos tem queda nos principais índices de criminalidade

Foto: PMSJC

Os cinco principais índices de criminalidade registrados em São José dos Campos, de janeiro a outubro deste ano, diminuíram entre 39% e 68%, se comparados ao mesmo período de 2016. Estes são os melhores indicadores criminais que a cidade apresenta desde a implantação do Programa São José Unida, há quase cinco anos. Dele, fazem parte todas as forças de segurança do município.

Publicidade

Os dados são da SSP/SP (Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo), que publica mensalmente estes e outros índices relacionados à criminalidade nos municípios paulistas. Pontualmente, na comparação entre 2016 e 2021, os índices apresentaram as seguintes quedas:

ÍNDICES EM QUEDA
CrimesAno 2016Ano 2021%
Furto de veículos1987638– 68
Roubo de veículos701245– 65
Roubo37141350– 64
Homicídio6238– 39
Furto53843964– 26

Fonte: SSP

Vale ressaltar que São José dos Campos continua sendo a cidade mais segura do Brasil entre as 49 com mais de 500 mil habitantes, tendo registrado em 2020 a menor taxa de mortes violentas (homicídios + latrocínios).

Investimentos em segurança

A queda da criminalidade em São José vem acontecendo ano a ano e representa o resultado dos investimentos feitos pela Prefeitura, principalmente, em tecnologia como, por exemplo, a implantação do CSI (Centro de Segurança e Inteligência), de mini centrais nas sedes das polícias Militar, Civil, Federal, Rodoviária Federal e GCM; além de mil câmeras ‘inteligentes’ em vários pontos da cidade.

Os investimentos também resultaram em ações como a retomada, em 2017, da Atividade Delegada, em convênio com a Polícia Militar, e implantação da Patrulha Maria da Penha em 2019, por meio da Guarda Civil Municipal.

Especificamente à GCM, sua frota passou a ser 100% de veículos elétricos, houve compra de novos armamentos, implantação de câmeras nos uniformes, tablets e drone; e utilização de armas não letais.