Início Pindamonhangaba Prefeitura recebe projeto para lançamento do Residencial Evidências com expectativa de aquecer...

Prefeitura recebe projeto para lançamento do Residencial Evidências com expectativa de aquecer mercado da construção civil

O crescimento do mercado imobiliário em Pindamonhangaba receberá novo investimento com o anúncio e apresentação do empreendimento Residencial Evidências. Nesta quinta-feira (21), o prefeito Dr. Isael Domingues receberá no município o cantor Chitãozinho e representantes da Exsa Urbanismo que oficializarão o protocolo para aprovação do projeto.

Publicidade

O empreendimento, que recebe o nome de uma das músicas de sucesso da dupla sertaneja Chitãozinho e Xororó, contemplará a construção de dois loteamentos residenciais fechados com aproximadamente 550 lotes cada, na região oeste da cidade, nas proximidades onde a Exsa Urbanismo já implantou o Loteamento Residencial Village Splendore.

Criado para integrar a cidade e a natureza e proporcionar aos moradores sofisticação, comodidade e segurança, a marca ‘Evidências’ iniciou-se na cidade de Indaiatuba (SP) e, atualmente, também está em Camaçari (BA), sendo um produto de sucesso. Em constante crescimento, o ‘Residencial Evidências’, em breve, estará expandindo sonhos por outros cantos do Brasil.

Segundo a Secretaria de Obras e Planejamento do município, o projeto do loteamento será analisado e após a pré-aprovação, de acordo com a legislação vigente, poderá ser encaminhado ao Graprohab para sua aprovação diante as normas estaduais, para que, ao seu retorno ao município, possa ter sua aprovação final.

“Assim como os demais loteamentos, este será mais um importante empreendimento urbanístico de qualidade que Pindamonhangaba acolhe. Certamente, a tecnologia atrelada à análise técnica, será possível ter maior celeridade nos trâmites, que são de responsabilidade do município, com a equipe multidisciplinar integrada em prol do crescimento da nossa cidade”, afirmou a secretária Marcela Franco.

Para o prefeito Dr. Isael Domingues, o investimento confirma a expansão do mercado imobiliário. “Com certeza será mais um investimento importante que irá fomentar nossa economia e o mercado da construção civil do município. Temos outros empreendimentos para receber, Pindamonhangaba está de portas abertas para projetos que tragam qualidade urbana e que gerem emprego e renda”, afirmou.

“Estávamos pensando em entrar no setor imobiliário e começamos a conversar com o Durval (da Exsa) que é um amigo com quem temos muito em comum. Nosso objetivo sempre foi o de entrar em um projeto com o qual concordássemos, que tivesse a nossa cara e nos sentimos muito confortáveis com o Residencial Evidências”, conta Chitãozinho.

Além do lançamento, o cantor Chitãozinho virá para Pindamonhangaba com uma novidade para o Fundo Social de Solidariedade do município. Durante o evento de apresentação do empreendimento, o sertanejo irá presentear o Fundo Social com um violão autografado que poderá ser utilizado para uma ação entre amigos ou leilão visando reverter fundos para as ações do Fundo Social.

Crescimento e geração de empregos
Há quase duas décadas de experiência e qualidade em planejamento urbano, a Exsa Urbanismo, empresa sediada em Indaiatuba, interior de São Paulo, tem como carro-chefe, empreendimentos horizontais, abertos e fechados, residenciais e comerciais. São projetos compostos por infraestrutura completa, que integram moradia, lazer e segurança.

Em Pindamonhangaba, a Exsa está presente desde meados de 2009 com os empreendimentos Residencial Village Splendore, Portal dos Eucaliptos e lançará mais dois loteamentos no próximo ano, o Jardim Paiol e o Residencial Visconde da Palmeira. “Escolhemos Pindamonhangaba para construir o próximo ‘Evidências’ por ser um município que sempre recebeu com bons olhos os empreendimentos da ‘Exsa’, além de ser uma cidade organizada e em grande expansão”, enfatiza o presidente da Exsa Urbanismo, Durval Sombini.

Segundo Sombrini, com o novo projeto o empreendimento quer oferecer qualidade de vida, alinhado com segurança com expectativa de gerar aproximadamente 4.500 empregos diretos e indiretos durante a implantação dos residenciais.