Início São José dos Campos Aulas presenciais serão obrigatórias em São José dos Campos a partir de...

Aulas presenciais serão obrigatórias em São José dos Campos a partir de novembro

Foto: Claudio Vieira/PMSJC

A Prefeitura de São José dos Campos, por meio da Secretaria de Educação e Cidadania, informa que o retorno da obrigatoriedade às aulas presenciais na rede de ensino municipal valerá a partir de 3 de novembro para alunos do Pré 1 (Educação Infantil) até o Ensino Fundamental e EJA (Educação de Jovens e Adultos). A retomada segue as orientações do Governo do Estado, anunciadas nesta quarta-feira (13).

Publicidade

Para as crianças do Berçário e do Infantil, o retorno continuará sendo opcional. Para os estudantes com comorbidades que não puderem retornar, será seguido o critério de licença médica, mediante apresentação de atestado. Estes alunos poderão acessar as atividades remotas, disponíveis no aplicativo Google Sala de Aula e no portal edusjc

Importante ressaltar que o uso de máscaras permanece obrigatório, assim como os protocolos de segurança estipulados no Plano São Paulo. 

Serviço essencial

A Educação é um serviço essencial e acontece presencialmente em São José desde 8 de fevereiro deste ano. As escolas municipais estão abertas seguindo os protocolos do Plano São Paulo e medidas que têm como base as orientações do Comitê de Enfrentamento à Pandemia do Coronavírus, com ações para a segurança dos professores, alunos, familiares e servidores em geral. 

Além dos protocolos do Plano São Paulo e da Vigilância Sanitária, as Unidades Escolares recebem, desde o início do ano letivo, orientações sobre higienização frequente de mãos e distanciamento social, EPI’s (com álcool em gel, tapetes sanitizantes, termômetros e máscaras), e sanitização frequente dos locais.

A equipe técnica da Secretaria de Educação e Cidadania realiza o acompanhamento de casos suspeitos ou confirmados de covid-19 em toda a rede de ensino, entre alunos e funcionários, pela tecnologia BI (Business Intelligence) e por contato com as escolas, feito pela Supervisão de Ensino.