Início Pindamonhangaba Turismo de Pindamonhangaba realiza 7º City Tour e estuda novos roteiros

Turismo de Pindamonhangaba realiza 7º City Tour e estuda novos roteiros

Foto: divulgação/PMP

A equipe da Secretaria de Cultura e Turismo / Departamento de Turismo da Prefeitura realizou, na terça-feira (31), a sétima edição do City Tour Histórico-Cultural, com formadores de opinião, para a divulgação e fomento do turismo em Pindamonhangaba. Os organizadores já estudam novo roteiro para os próximos meses.

Publicidade

De acordo com o secretário adjunto de Cultura e Turismo, Ricardo Flores, a intenção é apoiar e divulgar a potencialidade turística de Pindamonhangaba, por meio de seus atrativos, mesclando com história da cidade e fatos curiosos. “Adaptamos e atualizamos o modelo de city tour, voltando a ação para os multiplicadores de informações. Por isso, nos dizemos que somos o ‘novo turismo’, que é uma forma diferente e estratégica de trabalhar o turismo. Nossa intenção é que cada vez mais pessoas conheçam e valorizem Pindamonhangaba, que nos ajudem a divulgar que Pinda tem, sim, muitos lugares para serem visitados”, explicou.

Foto: divulgação/PMP

“Iniciamos com grupos específicos e agora estamos partindo para a segunda fase, que é estender o city tour ao munícipe, por meio do sorteio no shopping”, disse, se referindo ao sorteio que será realizado em outubro. As inscrições já podem ser preenchidas e estão disponíveis no CIT – Centro de Informações Turísticas – dentro do Shopping Pátio Pinda. Para participar, basta levar 1 kg de alimento. Cada quilo vale um cupom para o sorteio.

O sétimo city tour percorreu pontos como o Museu Histórico e Pedagógico Dom Pedro I e Dona Leopoldina, o Hotel Fazenda Pé da Serra, a Fazenda Nova Gokula, o Alambique Pinda Boa, Restaurante Colméia, além do tour de ônibus pelos principais pontos históricos do centro da cidade. Para os próximos meses, a equipe do novo turismo está elaborando novos roteiros e, em conjunto com o Departamento de Cultura, já pensando nas festividades natalinas.

“Somos uma Secretaria de Cultura e Turismo, por isso, nosso trabalho é integrado entre esses dois setores, e quem sai ganhando, claro, é a população”, destacou Flores.

Foto: divulgação/PMP