Início Pindamonhangaba Pessoas com 26 anos ou mais serão vacinadas contra Covid-19 nesta 6ª...

Pessoas com 26 anos ou mais serão vacinadas contra Covid-19 nesta 6ª feira em Pindamonhangaba

Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa

A Secretaria de Saúde de Pindamonhangaba inicia nesta sexta-feira (30) a vacinação contra a Covid-19 para pessoas com 26 anos ou mais.

Não haverá vacinação no sábado (31) e a previsão da Secretaria de Saúde é, na segunda-feira (2), retornar com a vacinação ainda abrangendo as pessoas com 26 anos ou mais. A chegada de novos lotes poderá alterar essa programação prévia.

Publicidade

Primeira dose: pessoas com 26 anos ou mais
Das 8 às 11 horas, CIAF/Saúde da Mulher, Centro Dia do Idoso (Vila Rica), PSF Nova Esperança, PSF Cidade Nova, CISAS Moreira César e UBS Ipê 2.
Das 8 às 11 horas e das 13 às 16 horas no Shopping Pátio Pinda.

Drive-trhu no Parque da Cidade, das 9 às 15 horas. Importante: não haverá preenchimento do “termo de cadastro Vacinação Covid-19” no drive-trhu, por isso, é obrigatório levar o termo preenchido corretamente. Baixe o arquivo pelo site www.pindamonhangaba.sp.gov.br/vacinacao-covid.

Além disso, todas as pessoas devem preencher o termo de vacinação Estadual pelo site www.vacinaja.sp.gov.br.

Primeira dose para gestantes e puérperas somente na sala de vacinas do CIAF/Saúde da Mulher, das 8 às 11 horas e das 13 às 16 horas.

Segunda dose
AstraZeneca, 60 anos ou mais (conforme data da carteirinha). Das 13 às 16 horas: PSF Nova Esperança, CISAS Moreira César, Centro Dia do Idoso (Vila Rica), PSF Cidade Nova, UBS Ipê 2 e CIAF/Saúde da Mulher.
Coronavac/Butantan (conforme data da carteirinha), sala de vacinas do CIAF/Saúde da Mulher: das 13 às 16 horas.

Atenção

  • Todos precisam levar um documento de identificação (RG ou CPF), comprovante de endereço e o termo de vacinação preenchido (disponibilizado no site da Prefeitura). Originais e cópias.
  • As grávidas e as puérperas precisam levar a carteira de acompanhamento de pré-natal. As puérperas também precisam de cópia da certidão de nascimento do bebê.
    Todas as pessoas que estão recebendo a vacina podem colaborar com a campanha Alimento Solidário, levando 1 kg de alimento não-perecível para o Fundo Social de Solidariedade ajudar as famílias que mais precisam.