Início São José dos Campos Prefeitura apresenta plano de retomada às aulas presenciais em São José dos...

Prefeitura apresenta plano de retomada às aulas presenciais em São José dos Campos

Foto: Claudio Vieira/PMSJC

O retorno às aulas presenciais para os alunos da rede de ensino municipal de São José dos Campos está previsto para 8 de fevereiro. Neste primeiro momento, a volta às aulas presenciais não será obrigatória e ocorrerá de forma gradual.

O anúncio foi feito durante coletiva de imprensa na manhã desta terça-feira (2) na nova escola de Educação Infantil, o Cedin Profº Sylvio de Barros Bindão, no Santa Hermínia (região leste).

Publicidade

Todas as medidas de retorno às aulas presenciais têm como base as orientações do Comitê de Enfrentamento à Pandemia do Coronavírus, com ações para a segurança dos professores, alunos, familiares e servidores em geral. 

O protocolo sanitário do retorno segue as regras do Plano São Paulo e foi elaborado por meio de um Comitê formado pelas Secretarias de Educação, Saúde e Apoio Social, em constante adequação, conforme orientações da vigilância epidemiológica.

Proteger, Acolher e Cuidar

A retomada das aulas presenciais segue três princípios: Proteger (protocolo sanitário que garante a segurança de alunos e servidores em geral), Acolher (acolhida a professores, funcionários e alunos considerando as necessidades socioemocionais de toda comunidade escolar) e Cuidar (monitoramento de casos suspeitos e diagnóstico de recuperação da aprendizagem).

Neste primeiro momento, o retorno presencial é opcional, cabendo às famílias decidirem se enviam os filhos para escola ou não. As aulas não presenciais estão mantidas. As salas de aulas atenderão com 35% de capacidade e frequência semanal (o aluno irá um dia na semana para escola).

Alunos do grupo de risco deverão realizar as atividades em casa. Os professores que são do grupo de risco estarão em ambientes sem contato com alunos.

Cuidados importantes

A alimentação dos alunos será mantida em atividades presenciais e não presenciais. O transporte escolar irá respeitar o distanciamento social e terá higienização a cada viagem. Casos suspeitos e confirmados de covid entre alunos e servidores serão monitorados.

Todas as escolas municipais já possuem máscaras de tecidos para alunos, professores e equipe gestora, face shield (para professores e equipe gestora), tapetes sanitizantes e termômetro para medir a temperatura na entrada. O distanciamento de 1,5 metro entre os estudantes será respeitado nos ambientes escolares.

Foto: Claudio Vieira/PMSJC

As unidades escolares contam ainda com álcool em gel 70% e recebem o serviço de sanitização periodicamente. A empresa responsável pela limpeza das escolas elaborou um procedimento específico para os protocolos de higienização dos ambientes.

Lembrando que medidas como: a higienização das mãos (lavando com água e sabão ou o uso de álcool 70%), o uso correto de máscaras e o distanciamento social devem ser mantidas, independentemente de qualquer circunstância.

Programa Recupera

Como parte do protocolo, os alunos da rede municipal irão contar ainda com um programa de recuperação para diagnosticar a aprendizagem, aglutinar o currículo e garantir as habilidades essenciais do currículo. O projeto deve ter início ainda no primeiro trimestre.

Plano SP

As regras do Plano SP determinam que se uma área estiver nas fases vermelha ou laranja, as escolas da educação básica, que atendem alunos da educação infantil até o ensino médio, poderão receber diariamente até 35% dos alunos matriculados. Na fase amarela, elas ficam autorizadas a atender até 70% dos estudantes; e na fase verde, até 100%.