Início São José dos Campos Colinas Shopping recebe selo de sustentabilidade pelo consumo de energia renovável

Colinas Shopping recebe selo de sustentabilidade pelo consumo de energia renovável

Leticia Fortuna, paisagismo - Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa

Ao priorizar fontes renováveis, centro de compras reduziu emissão de mais de 700 toneladas de CO2

Investir em energia limpa e ampliar o acesso a ela é um dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU (Organização das Nações Unidas). Focado em ampliar suas ações de sustentabilidade, o Colinas Shopping aderiu aos protocolos de uso de energia renovável e alcançou o selo de certificação da Comerc Sinerconsult de Energia Renovável 2020.

Para ser certificado, o empreendimento foi avaliado de janeiro a dezembro de 2019, período em que ficou comprovado que houve redução na produção de CO2, em razão do consumo prioritário de energia do mercado livre. Com a ação voluntária, o Colinas Shopping deixou de lançar no meio ambiente 761,87 toneladas de CO2 – o equivalente ao plantio de 5.200 árvores, aproximadamente. 

Publicidade

Os dados são da Sinerconsult, empresa de consultoria de gerenciamento energético que desenvolveu, junto à Comerc, uma metodologia exclusiva, baseada no GHG Protocol, para certificar empresas que utilizam energia elétrica proveniente de fontes renováveis. 

“O Grupo Colinas busca atender às necessidades da economia, dentro dos conceitos de sustentabilidade, o que é um dos grandes desafios das empresas para os próximos anos. Apostamos na transição energética, de fontes não renováveis e poluidoras, para fontes renováveis limpas, com especial atenção às necessidades dos lojistas e da comunidade do nosso entorno”, destaca Emerson Marietto, CEO do Grupo Colinas.

Emerson Marietto Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa

Segundo Marcelo Ávila, vice-presidente da Comerc Energia, o aumento no número de certificados emitidos – de 75 em 2009/2010 para 1.965 em 2019 – reflete uma mudança de mentalidade nas empresas brasileiras, cada vez mais preocupadas em reduzir os impactos de suas atividades.

 “Além dos benefícios ao meio ambiente, o consumo de energia elétrica proveniente de fontes renováveis, como pequenas centrais hidroelétricas, bagaço de cana-de-açúcar ou eólica, tem se tornado cada vez mais viável economicamente. É uma combinação atrativa, especialmente se comparada às termelétricas, notadamente mais caras e poluidoras”, afirma. 

Complexo multiuso sustentável

Além da redução no CO2, o centro de compras está ligado à Colinas Green Tower,  uma torre Triple A, projetada e construída sob os mais exigentes padrões construtivos e sustentáveis e certificada pelo U.S. Green Building Council com o selo Leed Gold, um símbolo mundialmente reconhecido de sustentabilidade, que avalia o desempenho ambiental das construções, com objetivo de reconhecer edificações verdes. Na avaliação, leva-se em consideração todo o ciclo de vida do empreendimento, desde a concepção, obra e operação até o descarte dos resíduos.