Início São José dos Campos Prefeitura paralisa 3 festas e fluxos com aglomerações em São José dos...

Prefeitura paralisa 3 festas e fluxos com aglomerações em São José dos Campos

Foto: Claudio Vieira/PMSJC

A Prefeitura de São José dos Campos paralisou 3 festas clandestinas e fluxos do funk que estavam sendo realizados no último final de semana.

Em outra frente de atuação, foram aplicadas 6 multas e emitidas 4 notificações preliminares em estabelecimentos comerciais onde foram constatados descumprimentos de decretos estaduais e municipais que estabeleceram regras sanitárias e de saúde de combate à covid-19. As multas têm valor inicial de R$ 5.000.

Publicidade

O trabalho de guardas civis municipais e agentes de fiscalização de posturas municipais para combate aos fluxos do funk, às festas clandestinas e às aglomerações e fiscalização no comércio continuará intensificado para que as regras da quarentena sejam cumpridas, garantindo mais saúde, segurança e tranquilidade aos munícipes.

Combate ao fluxo

Durante fluxos do funk no último dia 24 e no fim de semana, a Guarda Civil Municipal aplicou 69 multas, sendo 65 por infrações de trânsito (estacionamento irregular, falta de cinto e falar ao celular, entre outras) e 4 por som alto. Nas ações, foram abordadas 82 pessoas e vistoriados 40 carros e motos.

Foram recebidas 157 reclamações de munícipes referentes à perturbação do sossego público e aglomerações, sendo que 9 especificamente se referiam a fluxos e festas com consumo de bebida alcoólica.

Os munícipes podem denunciar aglomerações e descumprimentos das regras de isolamento social por meio dos canais oficiais: Central 156 (telefone, site e aplicativo) e pelos telefones 153 (Guarda Civil Municipal), 190 (COI/Copom) e 3901-4120 (DFPM).

Contra a covid

Os fluxos promovem aglomerações de jovens sem máscaras e sem os cuidados sanitários necessários, o que pode provocar o alastramento da doença no município.

As novas ações adotadas pela Prefeitura e pelas forças de segurança têm contribuído para diminuição das aglomerações com o objetivo de evitar o alastramento da covid-19 no município.

No mês passado, o número de pessoas de 21 a 40 anos contaminadas aumentou 90%. Houve ainda crescimento de 104% de notificações e de 83% de casos positivos na cidade considerando-se todas as faixas etárias, com aumento também dos casos de internações em hospitais.

Em geral, quando pegam a covid os jovens não apresentam sintomas graves, mas eles podem colocar em risco os pais e avós, mais sujeitos a ter complicações.