Início Pindamonhangaba Shopping Pátio Pinda recebe exposição fotográfica que retrata a vida em aldeias...

Shopping Pátio Pinda recebe exposição fotográfica que retrata a vida em aldeias de Moçambique

Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa

“O essencial em retratos” chega ao centro de compras nesta sexta-feira (4)

A partir do dia 4 de setembro, os clientes do Shopping Pátio Pinda poderão conferir a exposição “O essencial em retratos”, idealizada e produzida pelo jornalista Danilo Sardinha, de 29 anos. Na ocasião, 15 fotos irão mostrar um pouco da realidade do povo moçambicano, em especial o amor e a alegria das pessoas da região.

Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa

Danilo é padrinho de um dos projetos da Fraternidade Sem Fronteiras e participou, em 2019, de uma das caravanas da ONG para Moçambique, um dos países da África onde a instituição atua. “Foram dez dias de muito aprendizado com os moradores das aldeias que visitamos. Ao mesmo tempo em que nos deparamos com a carência de elementos básicos, há muito amor e alegria nessas aldeias”, relembra Danilo.

Publicidade

A ideia da exposição é mostrar um pouco da realidade nesses locais. Algumas imagens mostram o que falta, como água potável, comida e estrutura para estudar. Outras fotos mostram a alegria e o amor que eles transmitem. “Espero que essa exposição ajude a reforçar em nós o pensamento de que somos todos irmãos e a importância de sempre olhar para o próximo”, ressalta.

 A mostra é gratuita e estará localizada próximo à loja Riachuelo até 4 de outubro.

✏️ 📝 Bônus: ALFABETO CURSIVO – PEQUENAS LEITURAS – ATIVIDADES INTERATIVAS 📝✏️

Sobre a ONG
Na África subsaariana, a entidade abre e mantém centros de acolhimento, para oferecer alimentação, cuidados com a higiene, atividades pedagógicas, culturais e formação profissionalizante. Ampara idosos, com alimentação e construção de casas, e realiza a perfuração de poços artesianos nas aldeias africanas. Com a chegada da água, também inicia o cultivo sustentável de alimentos, capacitando jovens agricultores e envolvendo as crianças em atividades de educação ambiental.

Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa

No Brasil, a instituição apoia o tratamento de crianças com microcefalia, em Campina Grande, na Paraíba, em parceria com o Instituto de Pesquisa Professor Joaquim Amorim Neto. Em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, mantém o projeto Orquestra Filarmônica Jovem Emmanuel, que proporciona o ensino de música a jovens da periferia, e ajuda a Clínica da Alma, dedicada ao tratamento de dependentes químicos. Em Roraima, acolhe famílias refugiadas da Venezuela, que atravessaram a fronteira para o Brasil em busca de uma chance.