Início São José dos Campos Casas do Idoso: atividades a distância encerram gincana em São José dos...

Casas do Idoso: atividades a distância encerram gincana em São José dos Campos

Foto: Claudio Vieira/PMSJC

Quem participou da abertura da Gincana da Melhor Maturidade, realizada em fevereiro no Parque Vicentina Aranha, pode sentir a energia e a animação tão peculiares do público que frequenta as quatro unidades das Casas do Idoso de São José dos Campos.

E para fomentar toda essa alegria e disposição, mesmo em tempos de distanciamento social, e marcar o encerramento da competição em 2020, as Casas do Idoso prepararam uma manhã repleta de atividades online, que prometem movimentar e levar alegria para quem está em casa.

Publicidade

A live desta sexta-feira (7) começa às 9h, com um “bom dia” especial da psicóloga e assistente social de uma das unidades. Na sequência, uma dublagem do cantor Zé Geraldo embala o show de talentos.

Para quem quer se exercitar, fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais vão coordenar os movimentos.

Além disso, apresentações e performances artísticas também vão animar a manhã até as 10h, quando os profissionais encerraram a transmissão com um show especial, finalizando inclusive a gincana desde ano.

A live, bem como toda a programação, será aberta. Quem quiser acompanhar, basta acessar a página criada pelos profissionais da Casa do Idoso Centro no Facebook.

Gincana da Melhor Maturidade

A gincana da Melhor Maturidade é realizada anualmente e conta com a participação de centenas de idosos. A competição propõe aos frequentadores das Casas dos Idosos a participação em provas culturais, esportivas, artísticas e de nutrição, sendo cada mês abordado um tema diferente.

Neste ano, as atividades não puderam ser realizadas em função da suspensão das atividades presenciais nas Casas durante a pandemia.

Virtual

As Casas do Idoso estão com as atividades presenciais suspensas desde março, em função da pandemia e ainda não tem previsão de retomada, uma vez que os idosos integram o grupo com maior risco de morte pela covid-19.

Nestes quase 5 meses, as unidades têm garantido assistência aos atendidos por meio de atividades online, consultas e acompanhamentos via telefone.

Para os idosos do Centro Dia – serviço que acolhe idosos semi-dependentes- as refeições, que antes eram servidas durante o tempo de permanência deles nas Casas, estão sendo levadas no domicílio para que a família possa prover os cuidados com o idoso.

Nos serviços de atendimento domiciliar e de fortalecimento de vínculos, a assistência também está sendo feita a distância. Nos casos onde há necessidade da presença do profissional, a visita é feita seguindo critérios de distanciamento e proteção, determinados pelos órgãos de saúde.