Início Variedades Como começar a investir durante a pandemia?

Como começar a investir durante a pandemia?

(Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa)

Especialista dá dicas para quem planeja começar a investir ainda este ano

A pandemia do coronavírus já causou impactos no mercado financeiro e vem afetando diversos setores de serviços que tiveram que se adaptar a essa nova realidade. Se antes da crise já havia muitas dúvidas na hora de iniciar um investimento, quem pretende começar a investir este ano precisa ter cautela e pesquisar antes de aplicar o dinheiro.

O ideal antes de começar qualquer investimento é quitar primeiro as dívidas, mas com planejamento financeiro também é possível começar a investir com pouco dinheiro. Uma opção para quem ainda não consegue investir, é estudar sobre o mercado e conhecer quais tipos de aplicações existem.

Publicidade

Consultamos o assessor de investimentos da WFlow – escritório especializado em Assessoria Financeira e Patrimonial credenciado à XP Investimentos, em São José dos Campos – Breno Andrade, para dar dicas de como começar a investir durante a pandemia.

Faça uma reserva de emergência

Montar um fundo de emergência é importante para lidar com os imprevistos como uma demissão, problemas de saúde e até mesmo durante uma crise financeira. “A reserva de emergência deve ser suficiente para manter seu estilo de vida durante 6 a 12 meses. A aplicação deve ser feita em investimentos com alta liquidez, de fácil resgate e com baixo risco”, afirma Breno.

Defina seus objetivos financeiros

Estabelecer metas de curto, médio e longo prazo, são essenciais para conseguir visualizar seus objetivos e identificar qual é o seu perfil investidor. Uma dica é colocar no papel o que você deseja conquistar com os investimentos, qual o valor e o prazo para atingir esse objetivo, quanto do orçamento será destinado para a aplicação. “Ter metas claras e objetivas ajudam na hora de poupar e funcionam como motivador durante esse processo”, ressalta Andrade.

Mantenha uma carteira de investimentos diversificada

Ter uma carteira de investimentos diversificada irá diminuir os riscos de perder o dinheiro investido. Em momentos de incerteza econômica ou política, a melhor opção é montar uma carteira de investimentos e definir para quais aplicações o dinheiro será distribuído. “Para quem está começando a investir e possui dúvidas de como montar a carteira, um assessor de investimentos pode auxiliar no planejamento de acordo com cada perfil”, pontua.

Estude sobre investimentos

Procure pesquisar e estudar sobre o mercado financeiro, quanto mais conhecimento e informação melhor será o seu desempenho para tomar decisões acertadas. “Até mesmo em períodos de crise é possível investir com pouco dinheiro, mas o investidor precisa estar sempre bem informado para aproveitar as oportunidades”, finaliza Breno.