Início Destaque Horário de verão termina no próximo domingo com altas temperaturas

Horário de verão termina no próximo domingo com altas temperaturas

(Foto: Vale News/divulgação)

As altas temperaturas têm levado o sistema elétrico brasileiro a registrar seguidos recordes de consumo de energia. Diante de um cenário onde os termômetros ultrapassam os 30 graus, a EDP alerta que é justamente neste período que o hábito de consumo de energia deve ser melhor observado pela população, adotando medidas racionais para o uso dos equipamentos elétricos.

O horário de verão vai acabar na virada do próximo sábado para domingo (dia 17), às 00h, quando os relógios deverão ser atrasados em uma hora. Mas mesmo com o novo horário, é possível adotar hábitos simples que podem evitar o desperdício e aumento no consumo de energia.

Publicidade

“Nas altas temperaturas, as pessoas mudam seus hábitos, ligam mais o ventilador e o ar condicionado para refrescar ambientes e até mesmo lavam mais roupa devido à transpiração. Além disso, é importante alertar que em ambientes mais quentes, os aparelhos consumem mais energia para funcionar com a mesma qualidade. O motor da geladeira, por exemplo, precisa funcionar com mais intensidade para manter a temperatura interna baixa”, explica o gestor executivo de relacionamento da EDP, Roberto Miranda.

Com o fim do horário de verão, outro ponto merece atenção: A iluminação precisará ser mais acionada já que escurece mais cedo, porém é essencial ter consciência em sua utilização e evitar o desperdício.

Como calcular o consumo de energia da residência

Para saber o consumo total de energia elétrica durante um dia, calculamos os valores de consumo de cada aparelho, multiplicando sua potência por seu tempo de utilização diário. Por exemplo, se deixarmos todos os dias um único ventilador de 60 W ligado entre às 8 h da noite e às 6 h da manhã seguinte, teremos um valor de: 60 (W) X 10 (horas) x 30 (dias) / 1000 = 600 Wh, ou 18 kWh no mês em sua conta de energia.

No caso de uma televisão de LED com 32 polegadas e uma potência de 80 W, se utilizada um total de 10 horas por dia, no final do mês representará um consumo 24 kWh.

Somando o consumo de todos os aparelhos durante um mês, obteremos o valor total de energia utilizada em nossa residência.

Confira a potência média dos equipamentos de uma residência

Dicas de uso eficiente da energia

– O uso diário de ventiladores e aparelhos de ar-condicionado é necessário no calor, mas em dias com temperaturas amenas prefira ligar o ventilador, já que o ar condicionado consome mais energia. Se for utilizá-lo, coloque-o na temperatura 23 graus ou maior, e programe-o para desligar sozinho.

– Com o calor, hábitos do inverno devem ser deixados de lado. O chuveiro sempre deve estar na posição “verão” ou, preferencialmente, desligado.

– Desligue os equipamentos que usa esporadicamente da tomada. Sempre que deixar um ambiente apague a luz e faça uso da luz natural abrindo janelas e cortinas.

– A geladeira corresponde, em média, a 30% do consumo total de uma casa. Antes de abrir a geladeira pense no que precisa, ou seja, diminua o tempo que a porta ficará aberta.

– A geladeira deve ficar longe de locais quentes, onde incide a luz solar ou próxima do fogão. Não seque roupas atrás do equipamento e não guarde alimentos quentes dentro, estas atitudes fazem o motor do refrigerador trabalhar mais e aumenta seu consumo de energia.

– Com relação aos aparelhos eletrônicos, é importante não deixar a televisão ligada sem ninguém assistindo. Outras dicas que evitam o desperdício são desligar o monitor do computador e programar a proteção de tela para “dormir” quando o equipamento não estiver sendo usado.

– Substitua lâmpadas de maior consumo como fluorescentes compactas ou incandescentes por lâmpadas de LED, que são muito mais eficientes, ou seja, são econômicas e duram mais;

– Junte o máximo de roupas e lave de uma única vez, otimizando o uso da máquina de lavar; o mesmo vale para passar roupas. Quanto menos aparelhos ligados à tomada menor o consumo de energia.

– A fiação interna da residência deve sempre estar em bom estado. Fios desencapados e emendados podem causar sobreaquecimento e aumentar o consumo de energia, além de trazerem risco à segurança.