Início Pindamonhangaba Hospital de Campanha dá alta para o primeiro paciente curado de Covid...

Hospital de Campanha dá alta para o primeiro paciente curado de Covid em Pindamonhangaba

Paciente Piragibe Santos cercado pela enfermeira Gabriela, técnica de enfermagem Gabriela e Paulo, auxiliares Natália e Gabriela e o médico Dr. Marcos (Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa)

O Hospital de Campanha para pacientes testados positivo para Covid 19, instalado na unidade de atendimento do bairro Cidade Nova, deu alta na última semana para o primeiro paciente curado.

A emoção na saída de Piragibe Sigólio Santos, 50 anos, morador do bairro Terra dos Ipês, foi marcante para toda a equipe médica que atendeu o paciente.

Publicidade

Apesar de não fazer parte do grupo de risco e tomar os cuidados, Piragibe apresentou sintomas como cansaço, falta de ar, tosse seca, febre, perda do paladar e do olfato e também dores no peito.

Buscou os primeiros socorros no Pronto Atendimento 24 horas e foi encaminhado para o hospital de campanha na unidade do Cidade Nova, onde ficou internado por três dias, recebendo todos os medicamentos e uso de oxigênio.

“O emocional da gente sente uma abalada, fiquei um pouco preocupado, mas sempre confiante, com muita fé em Deus e apoio da família. Hoje me sinto bem e para mim foi como renascer de novo, pois sentir curado de um vírus tão forte como esse é a melhor notícia que um ser humano pode receber”, afirmou Piragibe.

Isolado em casa, o paciente ressalta a importância de as pessoas seguirem as recomendações e evitar qualquer contato com o próximo. “Somente quem passa por uma situação como essa entende a gravidade do contágio. O negócio é sério. Tem muita gente levando na brincadeira, não respeitando as normas da saúde e os decretos, saindo de casa sem nenhuma necessidade”, enfatizou.

Piragibe espera que todos tenham a consciência da prevenção e principalmente que utilizem as máscaras corretamente. “Eu tive muita sorte de hoje estar aqui testemunhando para vocês e para toda a população de Pinda o que passei com o Covid-19. Graças ao meu Deus eu estou livre”.

Para a coordenadora da unidade do Cidade Nova, Roberta de Abreu Faria, o trabalho da equipe de saúde vem dando todo o suporte para o tratamento correto dos pacientes testados positivo para o coronavírus. Até a última quinta-feira (02), a unidade contava com a internação de cinco pacientes em leitos intermediários.