Início Variedades Campanha “Se beber, não dirija” da CCR NovaDutra ganha reforço com a...

Campanha “Se beber, não dirija” da CCR NovaDutra ganha reforço com a distribuição de folhetos educativos

(Foto: Divulgação/Comunicação da CCR NovaDutra)

Motoristas já são conscientizados por meio de faixas, mensagens nos PMVs e dicas de segurança na programação da CCRFM

Teve início na última sexta-feira, dia 14/02, a distribuição de folhetos educativos, uma nova fase da campanha “Se beber, não dirija”, realizada pela CCR NovaDutra. O reforço é devido à proximidade do feriado de Carnaval. Os folhetos da campanha “Dirija com Responsa – Se beber, não dirija” serão entregues nas praças de pedágio.

Desde o dia 10 de fevereiro, início da ação, os motoristas que trafegam pela via Dutra são orientados sobre os perigos do álcool no trânsito por meio de faixas instaladas na rodovia, mensagens nos Painéis de Mensagens Variáveis e com a divulgação de dicas de segurança e entrevistas na programação da CCRFM 107,5 NovaDutra.

Publicidade

Segundo a médica da Concessionária CCR NovaDutra, Cacilda Couto, sob efeito de álcool os motoristas têm a capacidade de percepção reduzida em vários sentidos, além de provocar uma diminuição da capacidade neurológica, e, consequentemente dos órgãos de sentido. “Entre os danos provocados está a diminuição da capacidade de concentração e raciocínio, reflexo e a força muscular. O álcool diminui a visão periférica, a percepção de movimentos laterais, a visão de obstáculos. A dica mais importante é: se beber, não dirija”, reforça Cacilda.

Campanha

De forma lúdica, a campanha “Dirija com responsa – Se beber, não dirija” utiliza duas ideias ruins na época de Carnaval: o “Beberrones”, que junta bebida e direção, e o “Pé-de-Chumbo”, que gosta de acelerar demais nas rodovias. Para combatê-las existe o personagem Responsa, arqui-inimigo das más ideias de trânsito.

Para o Gestor de Atendimento da CCR NovaDutra, Virgílio Leocádio, o Carnaval é um momento em que as pessoas querem diversão e acabam esquecendo de cuidados básicos de segurança rodoviária. “É um problema enorme, apesar do grande empenho da Concessionária e da Polícia Rodoviária Federal para conscientizar os motoristas com campanhas, infelizmente ainda existem muitos motoristas que misturam álcool e direção, arriscando não só a própria vida, mas a de seus familiares e dos demais motoristas. Dirigir sob o efeito de bebida alcoólica coloca não apenas o motorista em risco, mas também a vida de familiares e de outros usuários”, diz Virgílio.

Escolha alternativas inteligentes e curta o Carnaval com segurança!

Entregue o carro a uma pessoa habilitada que não tenha consumido bebida alcoólica;
Utilize transportes alternativo, divida uma carona e determine um motorista da vez;
Não aceite carona de pessoas que beberam e que se consideram aptas para dirigir.