Início Variedades O Impacto Econômico das Queimadas no Vale do Paraíba

O Impacto Econômico das Queimadas no Vale do Paraíba

(Foto: divulgação)

Por Gustavo Neves, assessor de investimentos private da Plátano Investimentos

A disputa entre os governos francês e brasileiro que se criou após as queimadas deve ser vista com atenção pelo Vale do Paraíba. O presidente Emannuel Macron tem usado as queimadas para obter vantagens no acordo comercial entre a União Eupneia e o Brasil, já que o setor agropecuário francês será o mais prejudicado com a assinatura.

Publicidade

Num cenário de desaceleração do consumo global, puxado principalmente pela China, entrar num mercado como o europeu pode significar um resultado maior nas exportações de commodities brasileiras.

Por outro lado, os setores brasileiros que serão prejudicados no acordo são: têxtil, calçadista, pneus, máquinas e equipamentos, sendo os dois últimos com grandes impactos no Vale do Paraíba, por conta da malha industrial e automotiva.

Segundo o Ministério da Economia, o setor de commodities será o mais beneficiado com a entrada num mercado com mais de 800 milhões de pessoas, num momento delicado de estagnação econômica.

Acordos comerciais beneficiam determinados setores em detrimento de outros e numa situação desta, há alternativas para o empresariado se proteger. Para isso, é preciso compreender qual produto financeiro é o mais adequado para se blindar de oscilações econômicas e surpresas que prejudiquem o planejamento comercial. Por conta disto, tem sido cada vez mais importante consultar o seu assessor de investimentos, profissional que tem expertise em produtos financeiros pouco abordados pelos bancos, e que podem trazer um melhor desempenho ao empresário e investidor da região diante de variações globais.