Início São José dos Campos Rugby é destaque do ‘Time São José’ no fim de semana

Rugby é destaque do ‘Time São José’ no fim de semana

Os Caipiras do rugby joseense venceram o Pasteur, devolvendo a derrota da final do Paulista; Feijão (à esquerda), foi o destaque da equipe - Foto: Divulgação
Publicidade

Ao derrotar o Pasteur, da Capital, por 35 a 15, no sábado (31), o São José Rugby devolveu com juros a perda do título paulista, em junho, diante do mesmo adversário, quando foi derrotado em casa por 22 a 21. Além disso, a equipe estreou com uma vitória consistente no Campeonato Brasileiro de Rugby XV desta temporada.

O jogo foi realizado na renovado Centro de Treinamento Ange Guimerá, que está instalado dentro do Centro Poliesportivo Campo dos Alemães. Com o resultado, a equipe divide a liderança do grupo A com Poli e Jacareí, que também venceram na primeira rodada.

Os Caipiras, como a equipe é conhecida, dominaram quase toda a partida. No início, com dois tries, anotados por Feijão e Stefano Giantorno, abriram 12 a 0 no placar. O Pasteur reagiu, marcando 10 pontos seguidos por meio de um pênalti e um try. Mas a primeira etapa terminou em 19 a 10 para o São José, depois de Feijão converter mais um try.

No segundo tempo, após conter a empolgação dos visitantes, os Caipiras dominaram o jogo e alcançaram sua primeira vitória com três chutes de conversão de Tanque e um try de Piero. Final: São José Rugby 35 x 15 Pasteur.

No rugby, o try ocorre quando o jogador coloca a bola com a mão na linha de fundo do campo adversário, conhecido como in-goal. Vale cinco pontos. Depois de marcar o try, a equipe tem o direito de chutar a bola entre os dois postes do campo. Chama-se conversão e vale mais dois pontos. Em outro lance, se a bola passar por cima da trave e entre os dois postes ao longo da partida, a jogada vale três pontos e chama-se drop goal. Finalmente, a conversão de um pênalti vale três pontos.

Na próxima rodada, no sábado (7), os Caipiras voltam a jogar em São José dos Campos, diante da Poli, da Capital.

BMX Racing

Também no sábado, na cidade de Quetzaltenango, na Guatemala, o atleta Pedro Queiroz, de 16 anos, venceu o Campeonato Centro-Americano de BMX na categoria elite man. Pedro retornou ao Brasil nesta segunda-feira (2) e retomou os treinamentos para as duas últimas etapas da Copa do Mundo da modalidade, que serão disputadas na cidade de Santiago Del Estero, na Argentina.

A equipe de BMX Racing é uma modalidade de alto rendimento que representa São José dos Campos em competições como os Jogos Regionais e os Jogos Abertos do Interior.

Futebol feminino

O São José Futebol Feminino continua sofrendo as consequências de ficar em um grupo muito forte no Campeonato Paulista. No sábado, jogando em casa, no Estádio Martins Pereira, a equipe foi derrotada pelo São Paulo por 2 a 0.

Foi a quinta derrota seguida pelo quadrangular da segunda fase da competição. Os dois gols foram marcados no primeiro tempo, aos 14 e aos 46 minutos, ambos de cabeça, após cobranças de escanteios.

O São José jogou com Zany; Ana Martha (Fernanda Tipa), Vitória Bruna, Nath Rodrigues e Rafa Martins (Rafa Soares); Edna Baiana, Natsumi Saito (Milena) e Carlinha; Daiane Godoi (Fernanda Marques), Aline (Thamirys) e Geisi (Lívia).

As Meninas da Águia estão tendo pela frente, nessa fase, nada menos que Santos, Palmeiras e São Paulo. No próximo sábado (7), o São José viaja até a Baixada Santista para seu último jogo, diante do Santos, às 11h, sem nenhuma chance de classificação.

O esporte de alto rendimento é apoiado pela Prefeitura de São José dos Campos por meio da LIF (Lei de Incentivo Fiscal).