Início Variedades São Luiz do Paraitinga recebe, neste sábado, projeto “Viva o Choro...

São Luiz do Paraitinga recebe, neste sábado, projeto “Viva o Choro de Taubaté” para show e bate-papo

(Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa)
Publicidade

São Luiz do Paraitinga abre espaço para o chorinho, neste sábado (20). O Clube do Choro Waldir Azevedo, de Taubaté, e a produtora Carretel Arte e Música, em parceria com a Secretaria de Cultura de São Luiz, realizam dois eventos na cidade em homenagem ao chorinho brasileiro.

Na tarde de sábado, às 16h, acontece o bate-papo sobre o tema “Relações entre a formação do choro e a cultura popular no Vale do Paraíba” com os artistas e pesquisadores Carlos Henrique Machado (Volta Redonda-RJ), Alexandre Gennari (São Luiz do Paraitinga), Rafaela Maia (São Luiz do Paraitinga), Livia Loureiro (São Paulo) e mediação de Rogério Guarapiran.

O objetivo do encontro é discutir a contribuição das manifestações culturais de nossa região como influenciadoras de novas criações artísticas: música, literatura e do despertar de projetos de resgate histórico, pesquisas acadêmicas, entre outras ações.

O local da atividade é o Centro Turístico e Cultural Toninho Mendes (Rua Cel. Domingues de Castro, São Luiz do Paraitinga). A é entrada franca e haverá distribuição de 30 CDs para o público presente no bate-papo.

SHOW – À noite, às 22h, no Coreto Elpídio dos Santos, o Clube do Choro Waldir Azevedo se apresenta com o show gratuito de lançamento de seu primeiro CD, “Viva o Choro de Taubaté”, que reúne doze composições inéditas de autores da velha guarda do choro de Taubaté e da região.O grupo terá como convidados especiais o músico Carlos Henrique Machado Freitas, de Volta Redonda (RJ), e seu conjunto.

Carlos Henrique Machado é bandolinista, arranjador e compositor, natural de Volta Redonda. Tem trabalho importante de pesquisa sobre a influência da cultura afrodescendente e caipira no choro.

Ele apresentará composições autorais do seu disco “Vale dos Tambores”, lançado em 2005, que mistura ritmos tradicionais cultivados no Vale do Paraíba como Congada, Batuque, Jongo e Maracatu, com o choro e suas variações. Completam seu conjunto os músicos Jaciron Pereira da Silva (violão), Fernando Tadeu Machado Freitas (pandeiro) e Andiana Machado Freitas (cavaco).

O espetáculo será uma celebração inédita, reunindo músicos de dois grupos do Vale do Paraíba paulista e fluminense que mantêm contato não só pelo estilo musical, mas por raízes históricas mais profundas. “Tocaremos e teceremos essa história importante na História do Choro no Vale do Paraíba”, diz Rogério Guarapiran, um dos fundadores do Clube do Choro Waldir Azevedo.

Sobre o Clube do Choro Waldir Azevedo e o Projeto Viva o Choro de Taubaté

O Clube do Choro Waldir Azevedo surgiu em 2005 para reunir músicos de Taubaté e homenagear o famoso compositor do chorinho Brasileirinho. Em seus 14 anos de atividade descobriu composições de chorões da velha guarda e empreendeu pesquisa sobre compositores da cidade.

Agora, acaba de gravar seu primeiro disco autoral por meio do ProAC (Programa de Ação Cultural) da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, resgatando composições de autores de Taubaté. O projeto também possibilitou a circulação de shows gratuitos por seis cidades do Vale. Os espetáculos promovem encontro de músicos que pesquisam o choro no Vale para trocar experiências.

Os músicos que se apresentarão neste sábado são Cláudio Rogério Ferreira (violão), Rogério Guarapiran (bandolim), Luiz Paulo Muricy (cavaco), Bruno Bertolino (pandeiro), João Oliveira (guitarra) e Everton Campos (flauta).

Serviço

Projeto Viva o Choro de Taubaté

São Luiz do Paraitinga – Quando: Sábado (dia 20) – 16h, bate-papo sobre chorinho e cultura popular no Centro Cultural Toninho Mendes; 22h, no Coreto Elpídio do Santos, show com Clube do Choro Waldir Azevedo e convidados.Grátis

Ficha Técnica

Produção Executiva – Luciana Passarini e Carretel Arte e Música

Direção Musical – Rogerio Guarapiran

Assistente de Produção e Cenário – Livia Loureiro

Informações sobre o projeto: Tel.: (12) 96625-7702