Início Pindamonhangaba Acusado de homicídio é preso com drogas no bairro Vila Prado, em...

Acusado de homicídio é preso com drogas no bairro Vila Prado, em Pindamonhangaba

(Foto: ilustrativa / Vale News)
Publicidade

No início da tarde desta sexta-feira (19), um adolescente de 17 anos, acusado de ser o autor do desaparecimento de uma mulher de 34 anos, foi apreendido com drogas, no bairro Vila Prado, em Pindamonhangaba.

De acordo com informações, uma equipe da Polícia Militar realizava patrulhamento pelo bairro, quando avistou dois indivíduos em uma bicicleta e decidiu fazer a abordagem. Ao perceberem a presença dos policiais, os indivíduos ainda tentaram fugir, mas um deles, que tentou se desfazer de um pote de acrílico foi acompanhado e detido.

Durante revista pessoal, foi encontrada a quantia de R$ 10,00 com o indivíduo e no pote de acrílico, os policiais encontraram 15 pedras de crack e R$ 97,00 em dinheiro.

A PM informou ainda que após a identificação do adolescente, e através de investigações e informações levantadas no período da manhã, as equipes chegaram a conclusão de que o mesmo era justamente o autor de um suposto homicídio, mas que ainda não havia sido confirmado, pelo fato do corpo ainda não ter sido localizado.

Na última quarta-feira (17), a Polícia Militar recebeu a informação de que uma mulher de 34 anos, usuária de drogas e moradora do bairro São Sebastião, estaria desaparecida, com suspeita de ter sido morta, sendo que o corpo estava desaparecido. Uma das informações levantadas pela polícia, seria que o adolescente foi o último a ser visto na companhia da moça, saindo do bairro Querosene.

Indagado pelos policiais, o adolescente acabou confessando ser o autor do homicídio e ainda indicou, através do desenho de um mapa, o local em que o corpo da vítima estava enterrado.
De posse das informações e do mapa, as equipes retornaram ao mesmo local em que as equipes já haviam feito buscas, e desta vez conseguiram localizar o corpo da mulher, enterrado, e com várias escoriações na cabeça e uma corda amarrada no pescoço.

O adolescente foi encaminhado ao Distrito Policial onde está sendo apresentada a ocorrência. A equipe de peritos da Polícia Civil foi acionada e o corpo da mulher foi encaminhado ao IML.

Ainda não há informações sobre a motivação do crime, que será investigado pela Polícia Civil.