Início Pindamonhangaba Sistema de controle de gestão dos transportes de cargas pesadas está em...

Sistema de controle de gestão dos transportes de cargas pesadas está em fase de finalização em Pinda

(Foto: divulgação/Assessoria de Imprensa)
Publicidade

Neste mês, a Prefeitura de Pindamonhangaba, por meio da Secretaria de Segurança Pública, em parceria com o Departamento de Tecnologia da Informação, está finalizando o aplicativo “CCP” (Cadastro de Cargas Pesadas). A intenção é viabilizar a implantação do Sistema de Controle e Gestão dos Transportes de Cargas.

De acordo com informações do Departamento de Tecnologia da Informação da Prefeitura, o projeto está em fase de finalização que pode se estender pelos próximos 45 dias. A equipe que desenvolveu o aplicativo já está fazendo testes de funcionalidade do sistema para poder identificar possíveis falhas, além de aprimorar algumas ferramentas.

Publicidade

O aplicativo que foi idealizado e desenvolvido pela própria equipe da Prefeitura, será utilizado para a fiscalização de forma presencial da Guarda Civil Metropolitana e pelos agentes de trânsito, e também através das câmeras do sistema COI (Centro de Operações Integradas). A multa de R$ 130,16 será para aqueles motoristas de caminhões ou carretas que não estiverem regularizados com a cidade através do aplicativo.

Para que nenhum motorista seja pego de surpresa, já estão sendo colocadas as placas que alertam para regularização, nas vias da cidade que possuem fluxo intenso de caminhões e carretas. Segundo a Secretaria de Segurança Pública, o principal objetivo deste sistema é organizar a circulação de veículos no trânsito da cidade, principalmente veículos pesados e de grande porte nos acessos urbanos, e assim melhorar a fluidez do tráfego nas vias de trânsito rápido e evitar danificação da pavimentação asfáltica e de calçadas e, em especial, diminuir os riscos de acidentes.

Através do sistema que deve ser lançado até o fim do próximo mês, o cidadão que possui veículo pesado poderá solicitar o cadastro e estar em dia com a regularização do município.

Para requer Autorização Especial para o Trânsito de Caminhões (AETC) deverão ser apresentadas cópias dos seguintes documentos: Carteira de identidade e CPF do beneficiário, no caso de pessoa física; CNPJ da empresa beneficiária e CPF do representante com poderes de administração, no caso de pessoa jurídica; Contrato social e última alteração, no caso de pessoa jurídica; Certificado de Registro de Licenciamento do Veículo; e Procuração específica, quando for o caso.

Todos os detalhes e mais informações estão no decreto nº 5635, de 12 de março de 2019, que também pode ser consultado no site da Prefeitura (www.pinda.sp.gov.br) ou diretamente no Departamento de Trânsito e Mobilidade, telefone 3644-5300.